Francis Hime abre parceria com Zélia Duncan com ‘Valsa sedutora’


Como compositores já estão com outras duas músicas praticamente prontas, amigos ventilam e incentivam a ideia de um disco em dupla. ♪ Como intérprete, Zélia Duncan eventualmente dá voz a músicas de Francis Hime. Em 1997, a cantora recebeu a missão de encarar Atrás da porta (Francis Hime e Chico Buarque, 1972) no Álbum musical, songbook lançado por Francis naquele ano com recriações das criações do compositor.
Em 2006, Francis convidou Zélia para fazer desabrochar uma das músicas do álbum Arquitetura da flor. O dueto aconteceu em Sem saudades, parceria póstuma do compositor com Cartola (1908 – 1980). Sem falar que coube a Zélia lançar Descompaixão (2005) – parceria do compositor com Hermínio Bello de Carvalho apresentada há 15 anos em disco em tributo a Hermínio – e que a cantora abordou Existe um céu (Francis Hime e Geraldo Carneiro, 2007) com Simone em disco ao vivo editado em 2008.
Só que faltava uma parceria. Faltava. Agora já não falta mais. Francis Hime e Zélia Duncan estão compondo juntos. O primeiro fruto da parceria, Valsa sedutora, foi apresentada esta semana em show feito por Francis na cidade do Rio de Janeiro (RJ) com a participação de Zélia. A melodia é de Francis. A letra é de Zélia.
Ainda sem títulos, outras duas músicas já estão praticamente prontas no mesmo processo de criação (melodias de Francis e letras de Zélia). Nos bastidores, amigos já ventilam e incentivam a ideia de disco do compositor com a nova parceira, mas nada há de concreto, por ora, da parte dos dois artistas. Exceto as três músicas, ainda inéditas em disco.
♪ Eis a letra de Valsa sedutora, primeira parceria de Francis Hime com Zélia Duncan:
Se eu te eternizar numa canção
Acreditarias neste amor
Se eu fizer teu nome virar refrão
E uma multidão pedir pra voltares
Porém se for um samba sedutor
E ao longe ouvir o choro da cuíca
Me diz, meu amor
Me diz, meu amor
Será que ficarias ?
E se for uma valsa
E eu cantando teu nome três vezes
Tu notas, voltas, vens ?
E se for uma valsa
E eu cantando teu nome três vezes
Tu notas, voltas, vens (meu amor)…