Mariana Ximenes lembra que na correria de ‘A Favorita’ dormia na casa de Claudia Raia para estudar


Atriz também falou sobre importância do papel para carreira e desafios para criar a Lara. Novela entrou no catálogo no Globoplay nesta semana. Claudia Raia e Mariana Ximenes em cena de ‘A Favorita’
Globo/João Miguel Júnior
Como é de se esperar no núcleo de protagonistas, o trabalho em uma novela é muito intenso. Não foi diferente em “A Favorita” com Claudia Raia, Patricia Pillar e Mariana Ximenes.
Ximenes interpretou Lara, uma menina que era filha biológica de Donatela (Claudia Raia) e adotiva de Flora (Patrícia Pillar).
Ela lembrou da correria das gravações durante entrevista por teleconferência para falar sobre o relançamento da novela no Globoplay. “Eu dormi na casa da Claudia várias vezes. Ela morava mais perto, eu morava longe.”
Claudia completou: “O tempo que a gente tinha a noite era para decorar”. A prática de pedir uma cama emprestada para otimizar o tempo também aconteceu com ela.
“Eu lembro que teve um dia que eu saí do estúdio tipo 23h, mas às 6h da manhã eu tinha que estar de volta. Dormi na casa da Ana Maria Braga. Liguei pedindo ‘Ana, posso dormir na sua cama?”, recordou Claudia.
Boxe para construir personagem
Como se via dividida entre as duas mães, os conflitos de Lara exigiram bastante de Mariana. ” Trazia as questões de validação do amor, do afeto materno, de criação, então eu tive que trabalhar muito a raiva”, contou a atriz.
Por sugestão da preparadora de elenco começou a fazer boxe para estimular. “Eu levava uma espuma densa e gigante e pedia para o contrarregra segurar. Antes de entrar em cena eu socava muito e entrava em outra temperatura”, conta.
Flora (Patrícia Pillar) e Lara (Mariana Ximenes) em cena de ‘A Favorita’
Globo/ Zé Paulo Cardeal
“É um trabalho de atriz que te desafia, te provoca. Você tem que abrir várias gavetas dentro de você e investigar ‘cadê tua raiva? cadê tua loucura’. Essa é a nossa chance de jogar esse sentimento que geralmente a gente não coloca para fora ou investiga dentro da gente”, continua.
Mariana também fala que na novela fez grandes amizades e usava o espaço para aprender com o elenco estrelado.
“Muitas vezes eu não estava na gravação, mas ficava só observando essas duas. Gloria Menezes, Murilo Benício, Ary Fontoura, Mauro Mendonça ficava só na coxia, observando esses monstros para aprender”, diz.
Na mesma hora, Claudia responde “Já nasceu sabendo, Maricota!”. A relação de carinho entre as atrizes foi além das câmeras. Mariana foi uma das madrinhas de casamento de Claudia e é considerada uma “filha postiça”.
Initial plugin text
Os reencontros nostálgicos de elencos durante a quarentena

Please enter banners and links.

G1 Ouviu #91 Lady Gaga de volta: ‘Chromatica’ faixa a faixa e best of da carreira


No sexto álbum, cantora americana retorna ao pop eletrônico mais frenético do final dos anos 2000. Ela convida Elton John, Ariana Grande e Blackpink em álbum sem sutilezas. Você pode ouvir o G1 ouviu no G1, no Spotify, no Castbox, no Google Podcasts ou no Apple Podcasts. Assine ou siga o G1 Ouviu para ser avisado sempre que tiver novo episódio no ar.
O que são podcasts?
Um podcast é como se fosse um programa de rádio, mas não é: em vez de ter uma hora certa para ir ao ar, pode ser ouvido quando e onde a gente quiser. E em vez de sintonizar numa estação de rádio, a gente acha na internet. De graça.
Dá para escutar num site, numa plataforma de música ou num aplicativo só de podcast no celular, para ir ouvindo quando a gente preferir: no trânsito, lavando louça, na praia, na academia…
Os podcasts podem ser temáticos, contar uma história única, trazer debates ou simplesmente conversas sobre os mais diversos assuntos. É possível ouvir episódios avulsos ou assinar um podcast – de graça – e, assim, ser avisado sempre que um novo episódio for publicado
G1 ouviu, podcast de música do G1
G1/Divulgação

Please enter banners and links.