UFJF inicia discussão sobre o ensino remoto emergencial na graduação


A expectativa Conselho Superior é de iniciar nesta terça-feira (11) a votação da minuta de resolução, analisando ponto a ponto. UFJF
UFJF/Divulgação
A Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) iniciou nesta segunda-feira (10) a discussão de uma proposta de resolução que regulamenta o ensino remoto emergencial nos cursos de graduação.
De acordo com a instituição, A minuta foi desenvolvida pela comissão especial que trata do tema e relatada pela pró-reitora de Graduação, Maria Carmen Simões Cardoso de Melo.
A reunião do Conselho Superior (Consu) da UFJF foi encerrada no início da noite desta segunda por causa do tempo regimental, após quatro horas de discussão, e será retomada na manhã de terça-feira (11).
A expectativa da UFJF é iniciar a votação da minuta de resolução, analisando ponto a ponto.
Initial plugin text

Please enter banners and links.

Ufes diz que projeto de lei orçamentária de 2021 prevê redução de 18% nas verbas


Projeto de lei definitivo ainda será encaminhado ao Congresso para aprovação. Universidade divulgou que atuará junto à bancada capixaba para tentar reverter os cortes. Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes), em Vitória
Luciney Araújo/TV Gazeta
A Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes) informou que a instituição terá um corte de 18,2% de orçamento na versão atual de Proposta de Lei Orçamentária Anual (Ploa) para 2021 do Governo Federal.
A informação foi passada ao G1 nesta segunda-feira (10) pela Pró-Reitoria de Planejamento e Desenvolvimento Institucional da Ufes.
O projeto de lei definitivo ainda será encaminhado ao Congresso para aprovação.
A Administração Central da Ufes divulgou que atuará junto à bancada capixaba para tentar reverter os cortes.
O G1 aguarda um posicionamento do Ministério da Educação (MEC) sobre os cortes.
Veja o plantão de últimas notícias do G1 Espírito Santo

Please enter banners and links.