Vivienne Westwood se prende em gaiola para protestar contra extradição de Julian Assange

Estilista britânica fez protesto na frente da Corte Criminal Central, em Londres. Vivienne Westwood se prendeu em uma gaiola para protestar contra a extradição de Julian Assange. A estilista britânica de 79 anos fez o protesto na frente da Corte Criminal Central, em Londres.
Mais de 40 organizações de defesa dos direitos humanos e da liberdade de imprensa pediram a libertação “imediata” de Julian Assange, detido no Reino Unido e solicitado pela justiça dos Estados Unidos, que deseja julgá-lo por acusações de espionagem.
O governo dos Estados Unidos quer julgar o fundador dos Wikileaks, que completa 49 anos nesta sexta-feira, pela divulgação a partir de 2010 de mais de 700.000 documentos confidenciais sobre suas atividades militares e diplomáticas, em particular no Iraque e Afeganistão.
Initial plugin text