Virtuose das sete cordas, João Camarero lança single com tema do nonagenário violonista Nicanor Teixeira


♪ Virtuose do violão de sete cordas que integra o time de músicos convidados a tocar no álbum que Maria Bethânia aprontou neste segundo semestre de 2021, João Camarero lança na sexta-feira, 13 de novembro, o segundo single do artista paulista na gravadora Biscoito Fino, Concertante nº 3.
Um mês após abordar Balada para Martín Fierro (Aire sureño), música de autoria do compositor argentino Ariel Ramírez (1921 – 2010) lançada em 1968 na trilha sonora de filme inspirado em poema do também argentino José Hernandez (1834 – 1886), Camarero se volta para obra brasileira e mostra os dotes no manuseio das sete cordas em registro de Concertante nº 3, tema de autoria de Nicanor Teixeira, violonista e compositor baiano nascido em junho de 1928, em Barra do Mendes (BA), e atualmente com 92 anos.
Concertante nº 3 faz parte do ciclo de peças apresentadas a partir de 1990 pelo nonagenário Nicanor, grande violonista identificado com o universo do choro e das serestas, cuja obra destaca composições como Carioca nº 1 (1957).
Os singles Balada para Martín Fierro e Concertante nº 3 são os primeiros lançamentos fonográficos de João Camarero desde a edição do álbum Vento brando (2019), segundo título de discografia iniciada pelo violonista há quatro anos com a chegada ao mercado do álbum João Camarero (2016), disco que já apontou o músico como seguidor – com personalidade própria – do imortal violonista fluminense Raphael Rabello (1962 – 1995).