Valerie Bertinelli, ex de Eddie Van Halen, presta tributo ao guitarrista: ‘Vejo você em nossa próxima vida’


Atriz e músico foram casados por 20 anos. Eddie morreu nesta terça-feira (6), aos 65 anos, após longa batalha contra o câncer. Valerie Bertinelli, ex de Eddie Van Halen, presta tributo ao músico: ‘Vejo você em nossa próxima vida, meu amor’
Reprodução/Instagram
A atriz Valerie Bertinelli usou as redes socais para prestar homenagem ao ex-marido, Eddie Van Halen. O músico morreu nesta terça-feira (6), aos 65 anos, após longa luta contra um câncer de garganta.
“Quarenta anos atrás, minha vida mudou pra sempre quando te conheci. Você me deu a verdadeira luz em minha vida, nosso filho, Wolfgang. Durante todo o seu desafiador tratamento contra o câncer, você manteve seu maravilhoso espírito lindo e aquele sorriso travesso. Sou muito grata por Wolfie e eu termos podido te abraçar em seus últimos momentos. Vejo você em nossa próxima vida, meu amor”, escreveu Valerie Bertinelli.
Com o texto, a atriz compartilhou uma imagem em que aparece ao lado de Eddi e com o filho nos braços. Wolfgang comentou o post: “Te amo, mãe”.
Bertinelli e Eddie se casaram em 1981, permancendo juntos por 20 anos. O casal se separou em 2001 e assinou o divórcio em 2007.
Initial plugin text
Eddie Van Halen morre aos 65 anos de câncer
‘Melhor pai que eu poderia ter pedido’
De acordo com fontes do site TMZ, o músico estava internado no hospital St. John na cidade de Santa Monica, nos Estados Unidos. Ele estava acompanhado de sua mulher, Janie, do filho, Wolfgang, e de Alex, seu irmão e baterista da banda.
“Não acredito que tenho de escrever isso, mas meu pai, Edward Lodewijk Van Halen, perdeu sua longa e árdua batalha contra o câncer esta manhã. Ele era o melhor pai que eu poderia ter pedido”, escreveu Wolfgang em suas redes sociais.
“Cada momento que compartilhei com ele no palco e fora dele foi um presente. Meu coração está partido e eu acho que jamais me recuperarei totalmente dessa perda. Eu te amo muito, pai.”
Veja imagens do show do Van Halen no Rio de Janeiro nos anos 80