Universitários desenvolvem robô inflável que poderá ir ao espaço

Uma equipe de estudantes de engenheira da Universidade de Brigham Young, nos EUA, está desenvolvendo um robô inflável com financiamento da Nasa para ajudar em futuras missões espaciais

*Estagiária do R7, sob supervisão de Pablo Marques

O robô inflável recebeu o nome de Rei Louie e foi construído com um material maleável e que pode ser inflado

Segundo os membros do projeto, o Rei Louie foi pensado para parecer a um personagem de filme infantil, ser leve e ter uma aparência mais amigável

Os estudantes desenvolveram um programa de computador que controla os movimentos do robô inflando determinadas parte

O robô pode ser armazenado e transportado com facilidade por ficar com um tamanho reduzido quando não está inflado. Essa é a característica que chamou a atenção da Nasa, que procura equipamentos compactos para serem levado em missões espaciais

A equipe de engenheiros leva regularmente o Louie em escolas primárias e as crianças querem abraçar ou dar socos. O estudante de engenharia Dustin Kraus explica que isso não causa preocupação pois a estrutura inflável não machuca