Trio gaúcho Projeto Nó lança álbum entrelaçado com telas da artista plástica Ana Lucia Terin


O disco ‘Saudação’ reúne sete temas instrumentais de autoria do guitarrista André Brasil, fundador do grupo. ♪ Trio gaúcho de música instrumental formado em 2018, Projeto Nó lança o primeiro álbum, Saudação, gravado entre 2018 e 2019. Previsto inicialmente para ter sido lançado no segundo semestre de 2019, mas adiado para 2020, o disco está sendo efetivamente apresentado neste mês de março de 2021 em edição digital – nos players desde sexta-feira, 12 de março – e em CD com capa que expõe tela da artista plástica Ana Lucia Perin.
A propósito, André Brasil (guitarra), Diego Berquó (bateria) e Tiago Andreola (baixo) entrelaçaram o álbum Saudação com a arte de Perin. Fazendo uso de pigmentos produzidos à base de terra, a artista criou telas inspiradas em cada uma das sete músicas compostas por André Brasil, produtor do disco e fundador do grupo.
A edição em CD do álbum Saudação traz encarte com reproduções das sete telas de Perin, propondo a associação entre sons e imagens em forma distinta da linguagem audiovisual dos clipes.
Despertar, Dormindo na caçamba, O trabalho, A feira, Caiu do balaio, Reencontro e Crepúsculo são os sete temas instrumentais que compõem o repertório do álbum Saudação.
A intenção do trio foi abordar, com a influência do jazz, gêneros musicais brasileiros como coco, samba e maracatu com toques da cultura iorubá, como o alujá, perceptível na percussão tocada pelo músico nigeriano Idòwú Akinrúlí na faixa Reencontro.
Natural de Porto Alegre (RS), o guitarrista André Brasil estudou a cultura iorubá com Akinrúlí há cerca de oito anos. O baterista André Berquó nasceu em Nova Prata (RS) e, além de músico, desenvolve trabalho como educador. Já o contrabaixista Tiago Andreola, nascido em Garibaldi (RS), é músico, arranjador e maestro, integrando várias orquestras municipais de cidades do Rio Grande do Sul.
Capa do álbum ‘Saudação’, do Projeto Nó
Tela de Ana Lucia Terin