Tiee junta hits da MPB e do pop nacional na roda do álbum ‘As que tocam lá em casa’


♪ Espécie de aquarela brasileira do pagode, o álbum lançado por Tiee na sexta-feira, 10 de setembro, As que tocam lá em casa, alinha 32 músicas em 18 faixas.
Com exceções de duas músicas inéditas de autoria do cantor e compositor fluminense, 190 e Dor de cotovelo, já previamente editadas em single duplo, as demais composições são regravações ao vivo de sucessos da música brasileira.
Em tom genérico, Tiee rebobina as músicas em ritmo de samba e as encadeia em medleys, com critério elástico, na disposição do disco As que tocam lá em casa.
Se Andança (Danilo Caymmi, Edmundo Souto e Paulinho Tapajós, 1968) figura ao lado de Papel machê (João Bosco e José Carlos Capinan, 1984), Sozinho (Peninha, 1996) aparece ao lado de Codinome beija-flor (Reinaldo Arias, Cazuza e Ezequiel Neves, 1985) enquanto Lembra de mim (Ivan Lins e Vitor Martins, 1995) é alocada com De volta pro aconchego (Dominguinhos e Nando Cordel, 1985).
Já Palpite (Vanessa Rangel, 1997) é unida pelo cantor a Primeiros erros (Chove) (Kiko Zambianchi, 1985) na costura fluida dos covers que moldam o repertório do álbum ao vivo As que tocam lá em casa.
Capa do álbum ‘As que tocam lá em casa’, de Tiee
Divulgação