The Town 2023: Iza e Criolo são as primeiras atrações divulgadas do festival em SP feito pelos criadores do Rock in Rio


Evento vai acontecer nos dias 2, 3, 8, 9 e 10 de setembro de 2023 no Autódromo de Interlagos. Festival terá seis palcos, com atrações nacionais e internacionais, nos moldes do Rock in Rio. Criolo e Iza são atrações confirmadas do festival The Town em São Paulo
Fábio Tito/G1
Iza e Criolo são as primeiras atrações confirmadas da estreia do festival The Town, que acontece no Autódromo de Interlagos, em São Paulo, nos dias 2, 3, 8, 9 e 10 de setembro de 2023. O evento é produzido pelos organizadores do Rock in Rio.
Com o Rock in Rio confirmado para setembro de 2022, a ideia é manter o festival em São Paulo nos anos ímpares.
A expectativa de público do The Town é de 600 mil pessoas. Serão “mais de 230 horas de música, com apresentações dos principais nomes da música mundial”, disse a organização em comunicado nesta quarta-feira (10).
O evento terá seis palcos montados na “Cidade da Música” – nome que Interlagos vai receber durante o período do festival. Uma área de 350 mil metros quadrados será utilizada.
A cenografia vai ser inspirada na arquitetura e na cultura de São Paulo. “Sonhava em fazer um evento em São Paulo, mas precisava ter a cara da cidade”, explicou Roberto Medina.
A organização diz que o investimento será de aproximadamente R$300 milhões, e a expectativa é de que a primeira edição movimente R$ 1,2 bilhão no Estado de São Paulo e gere mais de 27 mil empregos.
The Town é o novo festival de música de Roberto Medina; evento acontece em setembro de 2023, em São Paulo
Divulgação
Veja quais serão os seis palcos do festival:
‘Skyline’: o maior palco do evento, com design inspirado nos prédios emblemáticos da capital. A previsão é de quatro shows por dia, com grandes bandas nacionais e internacionais.
‘The One’: inspirado na arte urbana de SP. Neste espaço se esperam conteúdos exclusivos, através de encontros e apresentações sob medida, com bandas consagradas e novos artistas.
New Dance Order: dedicado à música de pista, que fez sua estreia na última edição do Rock in Rio.
A ‘São Paulo Square’ virá inspirada na região em que a cidade foi fundada, embalada ao ritmo de muito jazz e blues, com performances artísticas, música, dança e o colorido das obras.
O ‘Factory’ será inspirado na cultura urbana e terá performances de street dance e shows de trap, hip hop e rap – que estão entre os gêneros mais consumidos da Cidade.
Segundo comunicado, a proposta do festival é ter “a música como aliada e uma inspiração na história da cidade para o desenvolvimento do desenho arquitetônico e conceitos”.
“Assim como o Rock in Rio, The Town nasce dessa paixão pela nossa terra, da amplificação do olhar para novas oportunidades e do desejo que a pandemia me trouxe nestes meses de enclausuramento de trazer algo inédito”, explica Medina.
“Toda a concepção foi pensada a partir de uma São Paulo inspiradora e cosmopolita, além de pronta para sediar um evento desta magnitude”, finaliza o empresário.
Público curte show do Paralamas do Sucesso no palco Mundo neste domingo (6), último dia de Rock in Rio
Alexandre Durão/G1
Veja como foi a última edição do Rock in Rio, em 2019:
Rock in Rio chega ao fim depois de mais de 300 horas de música