Stuart Whitman, indicado ao Oscar por ‘A marca do cárcere’, morre aos 92 anos


Ator veterano também ficou conhecido pela série de velho oeste ‘Cimarron Strip’ dos anos 1960. Stuart Whitman chega a um festival de cinema na Califórnia em 2008
Phil Klein/AP Photo
O ator Stuart Whitman, indicado ao Oscar por ‘A marca do cárcere’ (1961), morreu aos 92 anos em sua casa na Califórnia, Estados Unidos. Segundo o site TMZ, ele vinha sendo internado recentemente por causa de um câncer de pele que tinha se infiltrado em sua corrente sanguínea.
Ele estava cercado pela família na hora de sua morte.
Nascido em 1928 em São Francisco, o americano também ficou conhecido por estrelar a série de velho oeste “Cimarron Strip”, no ar nos Estados Unidos entre 1967 e 1968.
Com uma carreira divida entre televisão e cinema, ele também esteve em filmes como “Os Comancheros” (1960) e “O mais longo dos dias” (1961), ambos com John Wayne.
Ele trabalhou até o ano 2000, quando esteve no filme para a TV “O homem do presidente”.