Single de Alcione perde fascínio por conta do arranjo no molde de pagode romântico


Primeira amostra do álbum ‘Tijolo por tijolo’, a gravação do samba de Toninho Geraes e Paulinho Rezende destaca o refrão com apelo popular, talhado para a cantora. Capa do single ‘Fascínio’, de Alcione
Marcos Hermes
Resenha de single
Título: Fascínio
Artista: Alcione
Compositores: Toninho Geraes e Paulinho Rezende
Gravadora: Biscoito Fino
Cotação: * * 1/2
♪ Uma das maiores cantoras do Brasil, Alcione muitas vezes deu voz a músicas sem o tamanho da voz e da importância dessa artista maranhense projetada em escala nacional em 1975 com álbum que a transformou na “voz do samba”.
No caso da Marrom, como a cantora é afetivamente conhecida no meio musical, o samba sempre veio acompanhado de alta dose de romantismo popular. Fascínio – primeiro single do primeiro álbum de músicas inéditas de Alcione em sete anos, Tijolo por tijolo, previsto para ser lançado em abril – investe nessa combinação de samba e amor.
Disponível a partir desta sexta-feira, 13 de março, em edição da gravadora Biscoito Fino, o single Fascínio pode ser caracterizado como pagode romântico. Não tanto pela natureza do samba composto por Toninho Geraes com letra de Paulinho Rezende. Mas pelo molde da gravação arranjada por Wilson Prateado, produtor de discos de grupos de pagode.
O arranjo de Prateado põe em demasiada evidência o toque dos teclados de Nélio Jr. em batida que soa trivial. Cantando em tons mais comedidos, Alcione se ajusta à moldura do samba, que flui bem no refrão composto pelos versos “Você me domina feito uma serpente / Mesmo quando olho pra você de frente / Teu olhar de gato me faz de sapato / Me põe a seus pés”. A letra de Fascínio, a propósito, parece talhada para Alcione.
Formatado com os toques de músicos como Adilson Didão (percussão), Edinho (cavaquinho), Fábio Miudinho (percussão), Ian Félix (violão), Raul Silva (cavaquinho) e Williams Melo (bateria), além das vozes de Mariana Féo, Jairo Bonfim, Joelma Bonfim, Maria Helena Nazareth e Sylvia Nazareth no coro, o single Fascínio sinaliza que Alcione erguerá, com Tijolo por tijolo, (mais) um álbum aquém da voz e da importância da Marrom.