Repercussão: bailarino e coreógrafo Ismael Ivo morre em SP de Covid


O bailarino e coreógrafo Ismael Ivo morreu na noite desta quinta-feira (8), aos 66 anos, por complicações da Covid-19, informou sua assessoria. Ele estava internado no Hospital Sírio Libanês, em São Paulo. Veja a repercussão:
Alê Youssef – secretário de Cultura de São Paulo
“Teve uma carreira brilhante na arte e marcou uma geração da dança nacional e internacional. Consagrou-se na Europa como diretor e curador na Bienal de Veneza, e na direção da companhia de dança do Teatro Nacional Alemão. Meus sentimentos à sua família, amigos, colegas de trabalho e fãs”.
João Doria – governador de SP
“Ismael foi diretor da Bienal de Veneza, do Balé da Cidade, e o primeiro estrangeiro a dirigir o Teatro Nacional Alemão. Era um amigo querido. Muito triste. Minha solidariedade aos familiares”, escreveu.
São Paulo Companhia de Dança
“É difícil encontrar palavras para expressar o que significa a perda de Ismael Ivo”.
É difícil encontrar palavras para expressar o que significa a perda de Ismael Ivo.
Reprodução / Facebook / São Paulo Companhia de Dança
Wanda Stefânia – atriz
Atriz Wanda Stefânia lamenta morte de bailarino
Reprodução / Facebook /Wanda Stefânia