Reino Unido inclui França e Holanda em lista de países cujos viajantes devem cumprir quarentena


Governo britânico tomou decisão após novos casos nesses dois países. Mônaco e Malta, no Mediterrâneo, e Aruba e Turks e Caicos, no Caribe, também entraram na lista. Mulher se hidrata perto de lago em Londres em dia de calor no Reino Unido, em foto de 11 de agosto
Tolga Akmen/AFP
O Reino Unido impôs uma quarentena obrigatória, nesta quinta-feira (13), para aqueles que chegam ao território britânico a partir da França e da Holanda, após um aumento dos casos de Covid-19 nesses dois países. Outros estados, inclusive dois na Europa e dois no Caribe, também entraram na lista.
“Os dados nos mostram que devemos incluir França, Holanda, Mônaco, Malta, Turks e Caicos e Aruba em nossa lista”, informou o ministro britânico dos Transportes, Grant Shapps, em sua conta no Twitter.
“Se você chegar ao Reino Unido após as 3h de sábado (0h, em Brasília), terá que se manter em isolamento por 14 dias”, acrescentou.
Impacto no turismo
O governo do Reino Unido anunciou medidas de urgência para tentar conter um novo surto de Covid-19 no norte da Inglaterra
AP Photo/Jon Super
A medida pode afetar um grande número de britânicos, cerca de 500 mil, que costumam viajar para a França durante o verão. Londres havia, inicialmente, imposto a quarentena de duas semanas a todos vindos do exterior para o solo britânico, mas, depois, reduziu estas restrições, especialmente para seus vizinhos europeus.
Porém, no fim de julho, decidiu restabelecer a quarentena obrigatória para todos os que chegam da Espanha, medida que surpreendeu tanto as companhias aéreas quanto as agências de viagens. Autoridades britânicas também impuseram este isolamento na semana passada a todos os viajantes de Bélgica, Andorra e Bahamas.
Com cerca de 41 mil mortos, o Reino Unido é o país europeu com o maior número de mortes causadas pela pandemia.
Agora é assim? Como será o turismo no pós-pandemia?
Initial plugin text