Rapper Megan Thee Stallion diz que foi baleada antes da prisão de Tory Lanez


Artistas haviam discutido em carro no domingo (12). Lanez chegou a ser preso por porte de arma, mas foi liberado após pagar fiança de US$ 35 mil. Megan Thee Stallion
Reprodução/Instagram
A rapper Megan Thee Stallion revelou que foi baleada no domingo (12), antes da prisão de Tory Lanez. Segundo testemunhas ouvidas pela polícia, os rappers foram vistos discutindo dentro de um carro em Hollywood Hills antes que disparos fossem ouvidos.
“No domingo de manhã, sofri ferimentos de bala, como resultado de um crime que foi cometido contra mim com a intenção de me machucar fisicamente. Policiais me levaram ao hospital, onde fui submetida a cirurgia para remover as balas. Era importante esclarecer os detalhes sobre essa noite traumática”, disse ela.
Initial plugin text
Segundo o TMZ, a polícia foi chamada para atender uma reclamação de perturbação na parte externa de uma residência em Hollywood Hills. Chegando ao local, vizinhos relataram tiros durante uma discussão dentro de um carro esportivo. Seguindo as descrições das testemunhas, a polícia encontrou o veículo onde estavam Tory Lanez e Megan Thee Stallion.
Lanez foi detido, acusado de porte de arma. Durante a revista, foram encontrados uma arma escondida e outros quatro cartuchos. A rapper Megan Thee Stallion apresentava um ferimento no pé e foi levada ao hospital.
Tory Lanez é preso por porte de arma; rapper pagou fiança de US$ e foi liberado
Reprodução/Instagram
A polícia de Los Angeles confirmou para a revista People que o rapper foi liberado após pagar fiança de US$ 35 mil (cerca de R$ 190 mil). Ele deve se apresentar ao tribunal em 13 de outubro.
Horas antes do incidente, Megan e Tory apareceram juntos em uma live no Instagram de Kylie Jenner durante uma festa.