Quem é H.E.R.? Conheça a cantora que ganhou o Oscar 2021 de canção original


Cantora californiana estreou aos três aninhos e ganhou o Grammy de Melhor Música neste ano. H.E.R no Oscar 2021
AP Photo/Chris Pizzello
H.E.R. é uma sigla para “Having Everything Revealed” (ou “Tendo tudo revelado”). É também uma forma de Gabriella Wilson tentar manter a identidade dela protegida.
A cantora californiana de 24 anos venceu o Oscar de Canção Original e raramente é vista sem óculos escuros.
Evitar usar o nome e mostrar os olhos são formas de ela manter o anonimato. “Fight For You”, do filme “Judas e o Messias Negro”, deu-lhe um Oscar.
Para o Grammy, a maior premiação da música, H.E.R. é o nome mais importante do R&B hoje. Ela ganhou a estatueta de Música do Ano em 2021, com “I Can’t Breathe”.
Como a bossa nova e a Disney impulsionaram H.E.R., revelação que esconde rosto e nome
H.E.R. se multiplica no Rock in Rio e vai do R&B a ‘Mas que nada’ em show para plateia dispersa
O primeiro contrato foi assinado quando tinha 14 anos, após participar do reality show “The Next Big Thing”, da Rádio Disney.
A estreia veio três anos depois, em 2014, com o nome de Gabi Wilson, antes de adotar a sigla H.E.R., em 2016.
Além da Disney, a música brasileira também fez parte da vida dela. Gabriella diz que o som de artistas como João Gilberto abriu a perspectiva como cantora e instrumentista.
Show no Rock in Rio
H.E.R canta no palco Mundo neste sábado (5), no Rock in Rio 2019
Marcelo Brandt/G1
Na edição de 2019 do Rock in Rio, ela começou tocando baixo em “Carrier Away”, mas na mesma música já passou para o teclado.
Ela também tocou guitarra e violão, batucou, dançou e cantou. Muito bem e com ajuda de dois vocalistas de apoio.
Com óculos que cobriam metade de seu rosto e insistiam em cair, ela provou no gogó e na habilidade com instrumentos por que é considerada a maior revelação do R&B hoje.
H.E.R. representa a renovação do gênero surgido nos anos 40 com influências como jazz e corais de igreja. Mas faz isso sem encher sua música de batidas eletrônicas ou de letras espertinhas.