Polícia Ambiental apreende 660 quilos de carvão vegetal sem comprovação de origem em Martinópolis


Homem de 49 anos transportava irregularmente 66 sacos do produto em uma picape que foi abordada pela fiscalização na Rodovia Homero Severo Lins (SP-284). Carga de carvão vegetal foi apreendida em Martinópolis
Polícia Militar Ambiental
A Polícia Militar Ambiental apreendeu na manhã deste sábado (20), em Martinópolis (SP), uma carga de 660 quilos de carvão vegetal que era transportada irregularmente, sem a comprovação da origem, por um homem em uma picape.
A abordagem ocorreu na altura do km 548 da Rodovia Homero Severo Lins (SP-284), onde os policiais seguiam em patrulhamento no sentido de Rancharia (SP) e avistaram no contrafluxo do tráfego uma picape carregada com sacos de carvão.
Os militares fizeram o retorno na pista e abordaram o veículo, no qual constataram o transporte de 66 sacos de carvão sem notas ou documentos que comprovassem a origem do vegetal, em um total de 660 quilos.
Carga de carvão vegetal foi apreendida em Martinópolis
Polícia Militar Ambiental
Um homem de 49 anos, responsável pelo produto, recebeu um auto de infração ambiental, na modalidade de advertência, por transporte irregular de carvão, com base no artigo 48, parágrafo 1°, da Resolução 48/2014.
Os sacos de carvão foram apreendidos na sede da Polícia Militar Ambiental, em Presidente Prudente (SP), e ficaram à disposição da Justiça.
Como o motorista envolvido não possuía habilitação e o documento do veículo ainda estava vencido, a Polícia Militar Rodoviária também compareceu ao local e tomou as providências cabíveis ao caso.
Carga de carvão vegetal foi apreendida em Martinópolis
Polícia Militar Ambiental
Veja mais notícias em G1 Presidente Prudente e Região.