Pixel 6, primeiro celular com chip do Google, é lançado nos EUA


Empresa revelou duas versões de seu novo smartphone, que conta com o Google Tensor, desenvolvido internamente. Modelos não costumam ser vendidos no Brasil. Celulares Pixel 6, do Google, foram lançados nos EUA em diversas cores
Divulgação
O Google apresentou nesta terça-feira (19) dois novos celulares: Pixel 6 e Pixel 6 Pro. Os aparelhos são os primeiros a contar com o Tensor, um processador desenvolvido pela própria empresa.
O modelo básico do Pixel 6 será vendido nos Estados Unidos por US$ 599 (cerca de R$ 3.300). Já a versão Pro sairá por US$ 899 (cerca de R$ 5.000). O Google não deu detalhes sobre a disponibilidade em outros países, mas os celulares da empresa não costumam ser vendidos no Brasil.
iPhone 13 foi lançado quatro modelos: veja as diferenças e os preços no Brasil
Apple apresenta novos MacBook Pro e AirPods 3; confira os preços
O diretor de produtos Pixel, Peter Prunuske, afirmou que o Google Tensor é a “inovação em telefonia móvel mais importante na história da companhia”. Segundo o executivo, o chip “é o resultado de anos de investimentos em inteligência artificial”.
O Google Tensor é um “sistema em um chip” (SoC, na sigla em inglês), que reúne componentes como processador, unidade de gráficos, modem 5G e outros.
Em agosto, ao revelar a prévia do celular, o Google disse que o chip oferece um processamento “mais poderoso” em fotos e vídeos e uma experiência mais refinada em funções de reconhecimento de voz.
Pixel 6
Pixel 6
Google
O Pixel 6 tem tela OLED de 6,4 polegadas com resolução Full HD+ (1.080 x 2.400 pixels). A câmera de selfie tem 8 megapixels, enquanto a câmera traseira dupla tem sensores de 50 megapixels (wide) e de 12 megapixels (ultrawide).
O modelo conta com 8 GB de RAM e será oferecido com duas opções de armazenamento: 128 GB e 256 GB.
Segundo o Google, a bateria do Pixel 6 suporta até 24 horas de uso. No modo de economia de energia, que desabilita vários recursos, como a conectividade com 5G, o tempo de uso pode chegar a 48 horas.
Pixel 6 Pro
Pixel 6 Pro
Google
A tela OLED do Pixel 6 Pro tem 6,7 polegadas e resolução Quad HD+ (1.440 x 3.120 pixels). O aparelho tem câmera de selfie de 11,1 megapixels e câmera traseira dupla com sensores de 50 megapixels (wide) e 48 megapixels (telefoto).
O celular tem 12 GB de RAM e os usuários poderão escolher entre três opções de armazenamento: 128 GB, 256 GB e 512 GB.
O Google também afirma que a bateria do Pixel 6 Pro garante 24 horas de uso normal e 48 horas ao desativar recursos, incluindo a conexão 5G.
Android 12
Os novos celulares contam com Android 12, lançado em maio. Entre as mudanças no sistema, está a linguagem visual “Material You”, que, segundo o Google, é mais colorida e personalizável.
Ao utilizar um novo papel de parede, o sistema identifica a paleta de cores da imagem e faz mudanças automaticamente para exibir tons compatíveis em áreas como os menus.
Confira o que mudou com o Android 12
Relembre as novidades do iOS 15
Novo visual do Android 12.
Divulgação/Google