Pesquisa indica descoberta de nova espécie humana nas Filipinas


Estudo foi publicado na revista Nature nesta quarta (10). Escavação onde foram encontrados os fósseis do Homo luzonensis
AFP PHOTO / FLORENT DETROIT / ARMAND SALVADORE NUJARES
Pesquisadores acreditam que descobriram uma nova espécie humana, com características morfológicas singulares, que viveu na ilha de Luçon, nas Filipinas, há mais de 50.000 anos, anunciaram nesta quarta-feira(10) na revista Nature.
A análise de treze restos fósseis (dentes, falanges do pé e da mão, fragmentos de fêmur) encontrados na caverna de Callao, levou os pesquisadores a considerar a possibilidade de se tratar uma nova espécie, que batizaram Homo luzonensis.
A nova espécie apresenta ao mesmo tempo “elementos e características muito primitivas semelhantes aos do Australopithecus e outras, modernas, próximas aos do Homo sapiens”, ressalta Florent Detroit, paleoantropólogo do Museu do Homem e principal autor do estudo.
Escavações nas Filipinas, onde foram encontrados fósseis do Homo luzonensis
AFP PHOTO / FLORENT DETROIT / FLORENT DETROIT