Pabllo Vittar comenta adiamento de Coachella por coronavírus: ‘Saúde de todos em primeiro lugar’


Cantora segue confirmada na programação do festival, que anunciou nova data, passando de abril para outubro. Pabllo Vittar no quinto dia de carnaval em Salvador
Mauro Zaniboni /Ag Haack
Pabllo Vittar comentou o adiamento do festival Coachella, que teve mudança nas datas por causa do coronavírus. O evento, que aconteceria em abril, foi transferido para outubro.
“Tivemos esse imprevisto do Coronavírus, mas a segurança e saúde de todos vem sempre em primeiro lugar”, disse a cantora através de um comunicado enviado ao G1. Pabllo segue confirmada para o evento.
A organização do festival Coachella, evento mais importante da música pop nos EUA, anunciou a mudança nas datas nesta terça-feira (10).
O festival aconteceria nos dias 10, 11, 12, 17 18 e 19 de abril de 2020, na Califórnia. Agora, o evento está marcado para os dias 9, 10, 11, 16, 17 e 18 de outubro de 2020.
Entre os artistas escalados para a edição de 2020 do festival estão as brasileiras Anitta, Pabllo Vittar e a DJ Anna. O comunicado não esclarece se o line-up vai ser exatamente o mesmo ou se pode haver mudanças.
Questionada pelo G1, a assessoria de Anitta diz que, “ao que tudo indica”, ela segue confirmada para o festival em outubro.
A organização diz que os ingressos, que já estavam esgotados, vão valer para outubro. Quem tem ingresso e não vai poder comparecer será informado sobre o ressarcimento no dia 13 de março, segundo a produção.
Como o medo do coronavírus está alterando rota do pop