Oscar 2021: Zé do Caixão ganha homenagem póstuma em site da premiação


Mestre do terror brasileiro aparece em galeria ao lado de Jessica Walter, a Lucille de ‘Caindo na Real’, e outros artistas. Ambos não foram citados ao vivo na premiação. Naya Rivera, de ‘Glee’, não foi homenageada. Isidore Mankofsky, Linda Manz e José Mojica Marins, o Zé do Caixão, aparecem na galeria de homenagens póstumas no site do Oscar
Reprodução
José Mojica Marins, o Zé do Caixão, foi homenageado em uma galeria póstuma no site do Oscar. O mestre do terror brasileiro morreu, aos 83 anos, em fevereiro do ano passado.
Jessica Walter, a Lucille de “Arrested Development” (“Caindo na Real”, em português), aparece também no site da Academia. Ambos não foram citados na cerimônia ao vivo.
Lyle Waggoner, Kent Wakefor e Jessica Walter aparecem em espaço para homenagens póstumas no site do Oscar
Reprodução
A atriz morreu aos 80 anos em março deste ano, enquanto dormia em sua casa, em Nova York.
A homenagem póstuma é sempre um momento emocionante na premiação. Chadwick Boseman, Sean Connery, Ian Holm, Yaphet Kotto e Cecily Tyson são exemplos de artistas que apareceram no vídeo ao vivo. Veja abaixo.
Era esperado que Boseman ganhasse o Oscar póstumo pela atuação em “A Voz Suprema do Blues”, mas quem levou a estatueta foi Anthony Hopkins, por “Meu Pai”. Assim, o ator de 83 anos se tornou o mais velho a vencer na categoria.
O ator não compareceu à premiação, mas agradeceu o Oscar com um vídeo, no qual prestou homenagem a Boseman e afirmou que não esperava pela estatueta.
Naya Rivera esquecida
Naya Rivera, em foto de maio de 2012
Chris Pizzello/AP/Arquivo
Naya Rivera, atriz de “Glee” encontrada morta em um lago, não foi citada no vídeo da cerimônia, nem aparece na galeria no site da Academia.
O esquecimento foi apontado nas redes sociais por fãs da atriz de 33 anos, que morreu durante um passeio com o filho de 4 anos.