O que fazer quando o celular fica sem sinal e as contas de serviços on-line são roubadas?


Pacotão do blog Segurança Digital responde dúvida sobre a fraude do ‘SIM swap’ e dados sumindo do telefone. Se você tem alguma dúvida sobre segurança da informação (antivírus, invasões, cibercrime, roubo de dados etc.) vá até o fim da reportagem e utilize o espaço de comentários ou envie um e-mail para g1seguranca@globomail.com. A coluna responde perguntas deixadas por leitores no pacotão, às quintas-feiras.
No golpe de ‘SIM swap’, criminoso registra a linha em outro chip, fazendo com que a linha original seja desconectada.
Roman Martinyuk/Freeimages.com
Celular sem sinal e WhatsApp roubado
Meu número de operadora saiu do ar (ficou aparecendo sem sinal), depois foi desconectada do WhatsApp. Roubaram todos meus dados, abriram uma conta em meu nome, em um banco digital. E roubaram meu dinheiro do PagSeguro. Vocês podem me informar que tipo de processos eu poderia fazer? Estou me sentindo totalmente vulnerável e não irei mais encostar em meu aparelho! — Heloísa
Heloísa, você foi vítima de um golpe chamado de “SIM Swap” (“troca de SIM”, sendo SIM o chip do seu número). Nesse golpe, os criminosos conseguem cadastrar o seu número em outro chip SIM, que é usado no celular deles. Isso dá acesso ao seu número de telefone.
Como muitos serviços, infelizmente, utilizam o número de telefone (via SMS) para recuperação e verificação de conta, isso também dá aos criminosos o acesso a essas contas mediante o uso da recuperação da senha. O WhatsApp também pode ser cadastrado em outro telefone se tiverem acesso ao seu número e você não tiver configurado a verificação em duas etapas.
É fundamental que você entenda que isso muito provavelmente não tem nenhuma relação com o seu aparelho de telefone. Os criminosos que atuam realizando esse tipo de golpe realizaram uma fraude se passando por você e podem ter até contado com auxílio de funcionários da operadora. Em outras palavras, é bastante provável que você não teve nenhuma culpa ao ser vítima dessa ação.
O mais importante é entrar em contato com a operadora de telefonia e verificar o que ocorreu: o que foi alegado para a troca do SIM, onde ela foi realizada e por quem e assim por diante. Todos esses dados devem ser informados à polícia para que os responsáveis possam ser encontrados e penalizados.
Quanto aos prejuízos em seus serviços on-line, você terá que buscar remediá-los um a um. Se você suspeita que suas informações estão nas mãos de criminosos, você pode abrir um Alerta Permanente na Serasa, o que vai alertar as empresas sobre isso. No entanto, isso pode dificultar a abertura de serviços para você também, então avalie o que vale a pena para a sua situação.
Conversas ‘sumindo’ no WhatsApp
As conversas dos contatos do WhatsApp desaparecem com frequência. Apenas surge uma mensagem que ocorreu um erro inesperado e que devo restaurar as mensagens, sob pena de não conseguir depois. Faço a opção para restaurar de imediato, e acaba por desaparecer todas. O que pode ser? — Regina
Regina, o mais provável neste caso parece ser um erro do sistema ou do seu telefone. É difícil determinar a causa exata do problema.
O mais fácil para você tentar é desinstalar e reinstalar o WhatsApp. Porém, se você não se importa em configurar novamente o seu telefone, você pode realizar um processo de redefinição ou restauração de fábrica nas configurações do seu aparelho.
As instruções exatas variam conforme o modelo do celular, mas você pode obter algumas orientações gerais para Android aqui. Os passos para telefones iPhone, da Apple, estão aqui.
Esse processo vai deixar o telefone exatamente como ele veio de fábrica, eliminando todos os aplicativos e dados não sincronizados em backup, incluindo fotos. Certifique-se de que todos os dados importantes estão salvos em backup antes de realizar esse procedimento.
Se o problema ainda continuar após a restauração do celular, é provável que o seu aparelho esteja com problemas no chip de armazenamento. Embora a troca desse chip seja possível em algumas assistências não autorizadas, a maioria das assistências vai sugerir a troca de toda a placa lógica do telefone. Em muitos casos, o valor do reparo será quase idêntico ao valor de um aparelho novo.
O pacotão da coluna Segurança Digital vai ficando por aqui. Não se esqueça de deixar sua dúvida na área de comentários, logo abaixo, ou enviar um e-mail para g1seguranca@globomail.com. Você também pode seguir a coluna no Twitter em @g1seguranca. Até a próxima!
Selo Altieres Rohr
Ilustração: G1