O pequeno roedor que pode ser chave para viagens interestelares

<div class="media_box embed video_box" data-name="r7"><iframe width="660" height="330" frameborder="0" src=" https://www.bbc.com/portuguese/geral-51123308/embed"></iframe></div>

<p>
Este pequeno roedor tem uma habilidade notável que, além de ajudá-lo a sobreviver durante o inverno, pode ser extremamente valiosa para o futuro das viagens espaciais.</p>
<p>
Ao hibernar, um arganaz pode diminuir sua temperatura corporal, chegando até a 2°C, para ficar equivalente à temperatura do ambiente. Assim, ele reduz seu ritmo cardíaco e respiratório, economiza energia e pode viver de suas reservas de gordura.</p>
<p>
<strong>Mas o que isso tem a ver com viagens espaciais?</strong></p>

<div class="media_box full-dimensions660x360">

<div class="edges">
<img class="croppable" src="https://img.r7.com/images/bbc-roedor-15012020104335251?dimensions=660×360" title="Pequeno roedor tem habilidade de diminuir sua temperatura corporal para até 2°C" alt="Pequeno roedor tem habilidade de diminuir sua temperatura corporal para até 2°C" />
<div class="gallery_link">
</div>

</div>
<div class="content_image">
<span class="legend_box ">Pequeno roedor tem habilidade de diminuir sua temperatura corporal para até 2°C</span>
<span class="credit_box ">Reprodução/BBC Brasil</span>
</div>
</div>

<p>
As habilidades dessa e de outras espécies podem ajudar os humanos em dois dos principais desafios de viagens espaciais: a duração da jornada e a quantidade de alimento que precisaríamos transportar para sobreviver.</p>
<p>
Empresas do setor aeroespacial já estão pesquisando tecnologias que permitiriam que humanos hibernassem em viagens interplanetárias.</p>