‘Neymar hits’ na final da Champions: conheça a playlist e o poder da caixa de som do jogador


Chegada de Neymar aos jogos tem impulsionado hits, emocionado cantores e espalhado polêmicas. Após Luisa Sonza, Niack e WM, fãs perguntam antes da final: o que ele vai tocar? No sentido horário: Neymar, MC WM, de ‘Isso é rave; Luisa Sonza, de ‘Toma’ e MC Niack, de ‘Oh Juliana’
Franck Fife/AFP e Divulgação
Os fãs de Neymar já ficam ansiosos antes do jogo. Assim que ele descer do ônibus para a final da Champions League neste domingo (20), vai sair o resultado que cada vez mais gente procura: que música ele vai ouvir hoje?
Nos últimos dias de partidas, a caixa de som que Neymar carrega na chegada ao estádio alavancou um hit, emocionou artistas, resgatou sua origem e espalhou polêmica.
Mesmo em meio a milhões de audições, o “play” do Neymar tem um prestígio maior. Na playlist recente estão:
“Toma”, de Luisa Sonza e MC Zaac
“Oh Juliana”, do MC Niack
“Hoje é rave”, de Barbara Labres e MC WM
“Hawái”, do Maluma
“Par-tusa”, de El Dipy
“Cai lágrimas”, do MC Duda do Marapé
A ligação de Neymar com a música pop vem de longe. Pagodeiros, funkeiros e sertanejos já se deram bem ao virarem “parças” e terem músicas divulgadas em comemorações e posts. O G1 já até mostrou o “Sgt. Pepper’s” do Neymar.
Virou hit
Nas quartas-de-final, contra o Atalanta, o atacante do PSG desceu do ônibus ouvindo um funk-rave que pouca gente identificou. A faixa se chama “Hoje é rave”, da DJ Barbara Labres e do MC WM.
Barbara já era conhecida de Neymar, e o “play” do amigo fez a música acontecer. Nos comentários do clipe de “Hoje é rave” no YouTube, um internauta manda a real: “Procure um comentário que veio antes do Neymar colocar essa música e falhe miseravelmente”.
Mão amiga
Outra amiga de Neymar ganhou um presente antes da semifinal: Luisa Sonza. Ele colocou na sua caixa de som gigante a música “Toma”, de Luisa e MC Zaac.
Mas essa jogada foi em dois tempos: Neymar, na verdade, desceu do ônibus ouvindo a música “Oh Juliana”, atual música mais tocada nas paradas de streaming do Brasil, do jovem MC Niack.
Depois que ele desceu e já tinha andado um pouco, mexeu no celular e colocou a faixa da amiga Luisa. Mesmo dividindo a vitória, tanto ela quanto Niack comentaram emocionados nas redes sociais.
Neymar também homenageou um funk antigo. Na véspera da semifinal, o jogador que cresceu na baixada santista cantou”Cai lágrimas”, do MC Duda do Marapé, ídolo local que foi assassinado em 2011.
Festa (e polêmica) hispânica
Se as últimas chegadas foram com funk, as comemorações foram em espanhol. Depois do jogo com o Leipizeig, Neymar comandou a festa do PSG com um play na música “Par-tusa”, do cantor argentino de cumbia El Dipy.
A escolha pelo reggaeton da festa foi polêmica. Neymar apareceu cantando “Hawái”, música nova do colombiano Maluma, ao lado de outros jogadores do PSG.
O cantor colombiano Maluma
Reprodução/Facebook/Maluma
O problema são os boatos de que o jogador está saindo com Natalia Barulich, ex-namorada de Maluma. A letra é sobre traição, e fãs especulam que o colombiano tenha escrito justamente para Natalia.
O vídeo de Neymar foi visto nas redes, então, como provocação. Mas ele tratou de afastar os rumores: “Tenho nada a ver…”, Neymar comentou no Instagram.
Luísa Sonza lança ‘Garupa’ com Pabllo Vittar