Michael B. Jordan homenageia Chadwick Boseman: ‘Gostaria que tivéssemos mais tempo’


Atores contracenaram em ‘Pantera Negra’. Boseman morreu aos 43 anos após lutar contra câncer. Chadwick Boseman e Michael B. Jordan em cena de ‘Pantera Negra’
Divulgação
Michael B. Jordan publicou nesta segunda-feira (31) uma homenagem a seu companheiro de “Pantera Negra” (2018), Chadwick Boseman, que morreu aos 43 anos após lutar contra um câncer.
“Gostaria que tivéssemos mais tempo”, escreveu em seu perfil no Instagram o ator que interpretou o vilão Killmonger no filme da Marvel.
Initial plugin text
“Em uma das últimas vezes em que nos falamos, você disse que estaríamos ligados para sempre, e agora a verdade disso significa mais para mim do que nunca.”
Leia abaixo a tradução da íntegra:
“Tenho tentado encontrar as palavras, mas nada chega perto de como eu me sinto. Tenho refletido em todos os momentos, todas as conversas, todas as risadas, todos os desentendimentos, todos os abraços… tudo.
Gostaria que tivéssemos mais tempo.
Em uma das últimas vezes em que nos falamos, você disse que estaríamos ligados para sempre, e agora a verdade disso significa mais para mim do que nunca. Desde quase o começo da minha carreira, começando com ‘All my children’ quando eu tinha 16 anos você abriu caminho para mim. Você me mostrou como ser melhor, honrar o propósito, e criar legado. E mesmo que você saiba ou não… Eu tenho assistido, aprendendo e constantemente motivado pela sua grandeza.
Gostaria que tivéssemos mais tempo.
Tudo o que você deu ao mundo… As lendas e heróis que você nos mostrou que somos… vão viver para sempre. Mas a coisa que mais dói é que agora eu entendo o tamanho da lenda e do herói que você é. Passando por tudo isso, você nunca perdeu a vista daquilo que mais amava. Você se importava com sua família, seus amigos, seu trabalho, seu espírito. Você se importava com as crianças, com a comunidade, com a nossa cultura e com nossa humanidade. Você se importava comigo. Você é meu grande irmão, mas eu nunca tive a chance direito de te contar, ou de realmente te dar suas flores enquanto estava aqui.
Gostaria que tivéssemos mais tempo.
Tenho mais consciência agora do que nunca de que o tempo é curto com pessoas que amamos e admiramos. Vou sentir falta de sua honestidade, seu senso de humor, e seus dons maravilhosos. Vou sentir falta da dádiva de compartilhar espaço contigo nas cenas. Vou dedicar o resto de meus dias a viver da forma como você vivia. Com graça, coragem e sem arrependimentos. “Este é seu rei!?” Sim. Ele. É! Descanse em poder, irmão.”