Marília Mendonça morre em acidente aéreo em Minas Gerais: o que se sabe até agora


Aeronave caiu perto do aeroporto que atende à zona de Caratinga, em Minas Gerais, onde a cantora sertaneja faria um show. Causas do acidente ainda serão investigadas. Conhecida como a ‘Rainha da Sofrência’, Marília Mendonça surgiu como ícone do ‘feminejo’
A cantora Marília Mendonça morreu aos 26 na tarde desta sexta-feira (5) em um acidente aéreo na zona rural de Caratinga, no leste de Minas Gerais. Além dela, os outros quatro ocupantes da aeronave morreram com a queda.
O desastre, que deixou milhões de fãs em luto pelo Brasil, ainda será investigado — como ocorre em tragédias da aviação como essa.
LEIA TAMBÉM:
FOTOS: relembre a trajetória de Marília Mendonça
CARREIRA: Marília Mendonça cantou sofrência empoderada
REPERCUSSÃO: famosos lamentam
REDE SOCIAL: há dois anos, cantora fez post sobre não gostar de avião
Leia nesta reportagem O QUE SE SABE e O QUE FALTA SABER sobre o acidente aéreo que matou a cantora sertaneja Marília Mendonça.
Avião com cantora Marília Mendonça cai em Minas Gerais
Reprodução
A aeronave
O avião era um Beechcraft King Air C90a, um bimotor bastante utilizado na aviação executiva no mundo inteiro, da companhia de táxi aéreo PEC.
A aeronave fabricada em 1984 tinha capacidade para 6 passageiros e estava em situação normal de aeronavegabilidade, ou seja, estava dentro dos parâmetros para fazer esse tipo de transporte.
Globoplay: assista à série documental ‘Todos os cantos, com Marília Mendonça
INFO – Trajetória e detalhes do acidente que matou Marília Mendonça
Arte/g1
O trajeto
O avião saiu do aeroporto Santa Genoveva, em Goiânia, no início da tarde desta sexta-feira rumo ao aeroporto de Ubaporanga, em Minas Gerais. De lá, Marilia Mendonça seguiria por terra à cidade vizinha de Caratinga (MG), onde faria um show nesta noite. A apresentação estava marcada para o Parque de Exposições da cidade, localizado na BR 116.
A aeronave, porém, caiu a poucos quilômetros da pista de pouso, por volta das 16h30. O local da queda é uma cachoeira na zona rural de Caratinga, próximo a pousadas e fazendas, em uma encosta abaixo da BR-474.
Momentos antes de embarcar, ainda em Goiânia, Marília Mendonça postou um curto vídeo nas redes sociais:
Marília Mendonça faz post entrando em avião
Quem estava a bordo
A aeronave tinha cinco ocupantes. Todas morreram. Até o momento, foram divulgadas as identidades de três das quatro vítimas:
Marília Mendonça, cantora
Henrique Ribeiro, produtor
Abicieli Silveira Dias Filho, tio e assessor
As identidades do piloto e do co-piloto, que também morreram, não foram divulgadas. O resgate dos corpos terminou já depois de escurecer, no início da noite desta sexta.
Últimas duas vítimas são retiradas de ferragens de avião de Marília Mendonça
As causas do acidente
Não há informação até o momento sobre o que teria causado o acidente. A Aeronáutica informou que vai apurar o que levou a aeronave, considerada segura e funcionando regularmente, a cair. Investigadores estão no local do desastre.
Além da Aeronáutica, a Polícia Civil de Minas Gerais disse que enviou equipes de perícia criminal, investigadores e delegados ao local.
Cenipa vai investigar queda de avião que matou Marília Mendonça
Velório e sepultamento
Até a última atualização desta reportagem, não havia informações sobre os horários e os locais dos velórios e dos sepultamentos de Marília Mendonça e das demais vítimas do acidente.