Marília Mendonça fez post exatamente dois anos antes de morrer em acidente aéreo: ‘trocaria qualquer coisa para não ter que ficar pegando avião’


Cantora publicou mensagem em rede social em 5 de novembro de 2019. Considerada uma das artistas mais populares da música sertaneja do Brasil, Marília estava numa aeronave, com mais quatro pessoas, que caiu nesta sexta no interior de MG. Post de Marília Mendonça no Twitter
Twitter/Reprodução
Em 5 de novembro de 2019, exatamente dois anos antes de ter morrido na queda de um avião de pequeno porte, a cantora Marília Mendonça fez o seguinte post numa rede social: “Cada um nas suas dificuldades, eu trocaria qualquer coisa para não ter que ficar pegando avião. Só para ficar pertinho da família. Mas é isso! Somos mais fortes do que imaginamos!”.
Compartilhe esta notícia no WhatsApp
Compartilhe esta notícia no Telegram
Considerada uma das artistas mais populares da música sertaneja do Brasil, Marília Mendonça estava numa aeronave, com mais quatro pessoas, que caiu nesta sexta-feira (5) perto de uma cachoeira na serra de Caratinga, interior de Minas Gerais. Nenhum ocupante da avião sobreviveu (leia mais abaixo).
LEIA TAMBÉM:
FOTOS: relembre a trajetória de Marília Mendonça
CARREIRA: Marília Mendonça cantou sofrência empoderada
REPERCUSSÃO: famosos lamentam
A cantora nasceu em Cristianópolis (GO) em 22 de julho de 1995. Surgiu como ícone do feminejo, em 2016, com sucessos como “Infiel” e “Eu sei de cor”. Antes, já era compositora de sucessos do sertanejo. Marília Mendonça deixa um filho de um ano.
Marília Mendonça morre em queda de avião em Minas Gerais
Marília Mendonça faz post entrando em avião
O acidente
Em nota divulgada nesta sexta à tarde após o acidente, a assessoria de imprensa de Marília Mendonça informou:
“Com imenso pesar, confirmamos a morte da cantora Marília Mendonça, seu produtor Henrique Ribeiro, seu tio e assessor Abicieli Silveira Dias Filho, do piloto e copiloto do avião, os quais iremos preservar os nomes neste momento. O avião decolou de Goiânia com destino a Caratinga/MG, onde Marília teria uma apresentação esta noite. De momento, são estas as informações que temos”.
Antes de embarcar, Marília Mendonça fez um vídeo em que aparecia entrando no avião e publicou no Twitter.
A aeronave era um bimotor Beech Aircraft, da PEC Táxi Aéreo, de Goiás, prefixo PT-ONJ, com capacidade para seis passageiros. Segundo a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), o avião está em situação regular e tem autorização para fazer táxi aéreo.
Até a última atualização desta reportagem, não havia informações sobre o motivo da queda. A Aeronáutica deve apurar as causas do acidente. Investigadores foram enviados ao local.
Marilia Mendonça morre em queda de avião em MG
Arte g1