Mariana Nunes defende ‘Ponto de vista’ de Edu Krieger e João Cavalcanti no álbum ‘Cantante’


Artista mineira grava músicas de Caetano Veloso e Chico Buarque em disco feito com a participação de Ed Motta. Samba de Edu Krieger e João Cavalcanti, lançado há nove anos pelo grupo Casuarina no álbum Trilhos – Terra firme (2011), Ponto de vista ganha a voz da cantora e compositora mineira Mariana Nunes.
Já disponível em single desde terça-feira, 18 de fevereiro, Ponto de vista é a primeira amostra do segundo álbum da artista, Cantante, programado para ser lançado em 5 de março. A intenção foi dar ao samba Ponto de vista um acento de samba-jazz com toque de bossa nova.
Gravado na cidade do Rio de Janeiro (RJ), com produção musical e arranjos do violoncelista Jaques Morelenbaum, o álbum Cantante foi batizado com nome de música inédita composta por Mariana com Cristovão Bastos.
Pianista, Cristovão Bastos integra a banda que deu forma ao disco e que, além de Bastos, inclui Jorge Helder (baixo), Lula Galvão (violão), Marcelo Costa (percussão), Nivaldo Ornelas (sax soprano) e Rafael Barata (bateria).
Além de ser um dos compositores do samba Ponto de vista, João Cavalcanti participa do disco Cantante como cantor. Cavalcanti divide com Mariana a interpretação de Dueto (1980), composição de Chico Buarque.
Ed Motta também integra o time de convidados do álbum – em música composta por Ed com Nelson Motta – ao lado do violonista mineiro Juarez Moreira.
O repertório do álbum Cantante também inclui músicas de Caetano Veloso, Flávio Henrique, Toninho Horta e Vinicius de Moraes (1913 – 1980), entre outros compositores.