Mãe diz que filho saiu de casa pela primeira vez em 10 meses para fazer o Enem no PI


Jovem de 20 anos sofre de arritmia cardíaca e a mãe falou que há 10 meses ele não saía de casa, devido à pandemia. O candidato Antônio Gleyson, 20 anos, saiu de casa pela primeira vez em 10 meses, desde o início da pandemia, para fazer a prova do Enem neste domingo (17). Segundo a mãe do rapaz, a empresária Nadja Janara, ele não saiu de casa por sofrer de arritmia cardíaca e ter receio de contrair o vírus.
“Ainda pensei se ele viria, depois de 10 meses sem sair de casa, ele nunca ‘botou a cara fora’ [de casa] fiquei pensando se depois acontecesse algo, quem pagaria essa ‘conta’, mas ele veio, com fé em Deus vai dar tudo certo”.
Nadja Janara, empresária.
Jade Araújo/G1
Ela disse que achou a preparação para a prova sem organização e teme que as pessoas não respeitem os cuidados para evitar a contaminação. Quando falou ao G1, ela já havia deixado o filho na sala onde ele fará a prova na Universidade Estadual do Piauí, no Campus Poeta Torquato Neto, bairro Pirajá, Zona Norte.
“Eu perguntei à moça como iria ser. Ela disse que os ar-condicionados iriam estar ligados, mas as portas e janelas vão estar abertas. Então eu perguntei para ela como seria o distanciamento de uma cadeira pata outra e ela me disse que infelizmente iria ser normal. Como se fosse uma sala de aula”, disse.
VÍDEOS: veja as notícias mais vistas do G1 Piauí
s