Larry Flynt, fundador da revista ‘Hustler’, morre aos 78 anos


De acordo com fontes do TMZ, americano morreu por insuficiência cardíaca. Larry Flynt fala em evento em Los Angeles, na Califórnia (EUA), em 2011
AP Foto/Katy Winn
O
Larry Flynt, fundador da revista “Hustler” e dono de diversas empresas pornográficas nos Estados Unidos, morreu aos 78 anos em sua casa em Los Angeles nesta quarta-feira (10).
A notícia foi confirmada ao jornal “Washington Post” pelo irmão de Larry, Jimmy Flynt, sem determinar a causa da morte. De acordo com fontes do site TMZ, ele morreu por insuficiência cardíaca pela manhã.
Flynt é conhecido por seus diversos negócios pornográficas, por seus muitos problemas com a justiça americana e por ter sido alvo de tentativa de assassinato em 1978, que o deixou paralisado da cintura para baixo.
O americano, que já era dono de uma casa de strip-tease, fundou a revista pornográfica “Hustler” em 1974. A publicação chegou a ter tiragem de 2 milhões de exemplares em seu ápice, no final dos anos 1970.
Por causa da revista, Flynt enfrentou diversos processos na justiça, o que o levou a se intitular como um campeão da Primeira Emenda da Constituição americana, responsável por garantir a liberdade de expressão no país.