Instalação do Facebook é liberada após falso alerta sarin

Equipes de combate a incêndios e materiais perigosos realizaram testes no Facebook

Equipes de combate a incêndios e materiais perigosos realizaram testes no Facebook
REUTERS/Eric Gaillard/File Photo

O campus do Facebook no Vale do Silício foi liberado nesta terça-feira (2) pelas autoridades após alerta falso sobre exposição a sarin em uma instalação postal.

Quatro dos prédios da empresa foram esvaziados na segunda-feira e duas pessoas foram examinadas em busca de sinais ou sintomas de exposição ao componente que ataca o sistema nervoso, podendo ser fatal.

Equipes de combate a incêndios e materiais perigosos realizaram exaustivos testes e não encontraram material tóxico, disse Jon Johnston, chefe do Corpo de Bombeiros da cidade de Menlo Park, na Califórnia, onde fica a sede do Facebook.

“Não há sarin”, disse ele à Reuters, referindo-se ao pacote que erroneamente indicara positivo na manhã de segunda-feira.