Inep informa que calendário do Enem será mantido

Cadernos do Enem impressos pela RR Donnelley

Cadernos do Enem impressos pela RR Donnelley
Ananda Migliano/Ofotográfico/Folhapress – 11.11.2018

Por meio de um comunicado oficial, o Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira) informou nesta terça-feira (2) que o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) deve transcorrrer normalmente, apesar da gráfica que imprime as provas ter pedido falência.

O Inep informa que o cronograma está mantido, com as provas marcadas para 3 e 10 de novembro, conforme prevê o Edital.

Em relação à falência da gráfica contratada para a diagramação e impressão dos cadernos de prova da edição deste ano do Enem, “existem alternativas seguras sendo avaliadas”. No entanto, na nota, o Instituto não esclarece quais são elas.

“O Inep reforça ainda que está aberto, até 10 de abril, o período para pedido de isenção da taxa de inscrição no Enem 2019 e justificativa de ausência na edição anterior. As inscrições para o exame acontecem entre 6 e 17 de maio.”

Gráfica:

A gráfica RR Donnelley, responsável pela impressão das provas do Enem, decretou falência nesta segunda-feira, dia 1º, causando preocupação em especialistas e estudantes que temiam problemas com o cronograma da prova deste ano.

Os funcionários  também foram pegos de surpresa com a medida. A companhia informou que vai liberar os documentos dos empregados para que possam requerer o saldo do FGTS e o seguro-desemprego. Mesmo assim, eles fizeram uma manifestação nesta manhã em frente a gráfica.


Arte R7