Francisco, El Hombre anuncia a primavera da resistência no single que apresenta o terceiro álbum da banda


Música inédita evolui bem na vibrante gravação arranjada com suingue latino-americano pelo quinteto paulista. Capa do single ‘Nada conterá a primavera’, da banda Francisco, El Hombre
Divulgação
Resenha de single
Título: Nada conterá a primavera
Artista: Francisco, El Hombre
Compositores: Juliana Strassacapa, Sebastián Piracés Ugarte, Andrei Kozyreff e Mateo Piracés Ugarte
Edição: Difusa Fronteira
Cotação: * * * *
♪ “As flores resistem à tempestade / E cantam por becos, esgotos e bares”, avisam Juliana Strassacapa, Sebastián Piracés Ugarte e Mateo Piracés Ugarte, dando vozes aos versos que sintetizam a ideologia do single inédito, Nada conterá a primavera, que anuncia o terceiro álbum de estúdio da banda paulista Francisco, El Hombre.
No single que chega ao mundo digital na quinta-feira, 23 de setembro, um dia após a chegada da estação das flores, a primavera simboliza naturalmente o início de nova era social e política.
Bafejada pelos sopros tocados por Caíque Néri, a composição inédita de Juliana Strassacapa, Sebastián Piracés Ugarte, Mateo Piracés Ugarte e Andrei Kozyreff cai muito bem no suingue latino-americano, embutindo células rítmicas do mambo e da salsa.
Uma batucada de samba se insinua nos segundos finais da gravação orquestrada com produção musical do quinteto, mixada por Pedro Garcia e masterizada por Carlos Freitas. Contudo, o Brasil está mais presente no single Nada conterá a primavera através do tom politizado dos versos do que pela sonoridade do fonograma.
O brado por “terra boa” ouvido quase ao fim da gravação evoca a luta do MST (Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra), sintonizando o single Nada conterá a primavera com a ideologia política de Francisco, El Hombre, expressada de forma mais explícita nos repertórios dos dois anteriores álbuns de estúdio da banda de Campinas (SP), Soltasbruxa (2016) e Rasgacabeza (2019).
Ideologias à parte, Nada conterá a primavera é música em si vibrante, cheia de energia, evidenciando na gravação o acerto do arranjo creditado aos cinco integrantes do grupo – Juliana Strassacapa (voz e percussão), Mateo Piracés-Ugarte (voz e violão), Sebastián Piracés Ugarte (voz e bateria) Andrei Kozyreff (guitarra) e Helena Papini (baixo) – e a Giovani Loner.
Previsto para ser lançado ainda neste segundo semestre de 2021, o terceiro álbum de estúdio da banda Francisco, El Hombre chega juntamente com a primavera, anunciado por single que sinaliza disco mais solar e, talvez, até mais popular, soprando esperança de dias menos tempestuosos no horizonte do Brasil.