Ford chama Fusion para recall; modelo pode se mover sozinho


Ainda não há uma solução definitiva e, por isso, a marca orienta os proprietários a acionarem o freio de estacionamento de forma manual. Participam unidades de 2013 a 2016. Ford Fusion
Divulgação/Ford
A Ford anunciou nesta sexta-feira (31) um recall envolvendo unidades do Fusion de ano/modelo 2013, 2014 e 2016, todas com motor 2.5, pela possibilidade de os veículos se movimentarem involuntariamente depois de estacionados. Ainda não há solução definitiva.
De acordo com a marca, a bucha do cabo seletor de marchas pode se deteriorar com o tempo, não travando na marcha solicitada pelo motorista.
Com isso, ao estacionar, é possível que o veículo não esteja efetivamente na posição P e se mova caso o motorista não acione manualmente o freio de estacionamento eletrônico. Em uma situação normal, o freio seria acionado automaticamente com a alavanca em P. Nenhum alerta será emitido.
Ainda não há um reparo efetivo previsto. Por isso, a Ford orienta os proprietários dos veículos envolvidos na campanha a sempre acionarem o botão do freio de estacionamento ao estacionar. Um novo comunicado será feito assim que a solução for definida.
Veja detalhes dos modelos:
Recall – Ford Fusion
Initial plugin text