Dois episódios de ‘Bob Esponja’ são retirados do ar


Um deles não será mais exibido por ser sensível em relação à pandemia e o outro foi considerado inapropriado para crianças. Bob Esponja e Patrick no Siri Cascudo
Divulgação
Dois episódios de “Bob Esponja” não serão mais exibidos pela Nickelodeon nos Estados Unidos. Um representante do canal afirmou, nesta quarta-feira (31), que a decisão acontece por dois motivos diferentes.
Em “Kwarantined Crab”, um inspetor de saúde faz uma visita ao Siri Cascudo, restaurante em que Bob trabalha, e encontra um caso de “gripe dos mariscos”. Todos são colocados em quarentena, o que causa um pânico generalizado.
O episódio da 12ª temporada vai deixar de ser veiculado “devido às sensibilidades em torno da pandemia”, disse o vice-presidente executivo de comunicações da Nickelodeon, David Bittler.
Já o outro é da 3ª temporada e mostra Bob Esponja, Sr. Siriguejo e Bob Esponja invadindo a casa de uma mulher e roubando uma calcinha.
Segundo Bitter, o episódio não vai ao ar desde 2018 quando houve um revisão dos padrões e foi determinado que “alguns elementos da história não eram apropriados para crianças”.
Revisão nos conteúdos
Não é só na televisão ou no cinema que as empresas estão revendo conteúdos que não são aceitáveis atualmente.
Na segunda (29), uma das obras de Dav Pilkey, autor da popular série infantil “As aventuras do Capitão Cueca”, foi retirada de circulação pela editora.
Segundo a Scholastic, o livro “The Adventures of Ook and Gluk: Kung-Fu Cavemen from the Future” traz imagens e metáforas que “perpetuam o racismo passivo”.
Lançado originalmente em 2010, o livro já foi removido do site da empresa e as encomendas foram interrompidas.
VÍDEOS: Semana Pop explica temas do entretenimento