Cruzeiros marítimos: protocolos sanitários da Anvisa incluem vacinação e máscaras; confira


A diretoria da Anvisa reforçou que a retomada de atividades não deve estar associada ao fim da pandemia. Entre os requisitos estão também o distanciamento e realização de testes diários. Imagem aérea do Concais durante temporada de cruzeiros marítimos
Divlugação/Concais
A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou nesta sexta-feira (29) os protocolos necessários para embarque, desembarque e transporte de viajantes nos cruzeiros marítimos a partir de novembro, quando a atividade deverá ser retomada.
Durante a reunião, o diretor da Anvisa, Alex Campo, destacou que ainda é preciso manter a cautela.
“Advertimos que a retomada de qualquer atividade deve estar associada não ao fim da pandemia, mas à ideia de protocolos de convivência com ela. É sobre protocolo sanitário, é sobre a sua necessidade no contexto da operação de cruzeiros, que dedicaremos os nossos esforços nesta reunião”.
Veja os principais pontos do protocolo:
Tripulantes e passageiros vacinados (desde que elegíveis pelo PNI)
Distanciamento entre grupos de viajantes de, no mínimo, 1,5 metro
Ocupação máxima de 75% da embarcação
Uso de máscaras a bordo e em terminais de passageiros
Pelo menos 10% da tripulação e 10% dos passageiros devem ser testados diariamente
Obrigação de apresentação de teste do tipo RT-PCR negativo feito até 72h ou de teste de antígeno feito até 24 hora antes do embarque
A Anvisa reforçou que as atividades podem ser suspensas, caso identificado “algum risco à saúde pública ou em decorrência do descumprimento das normas sanitárias vigentes”.
O diretor-presidente, Antônio Barra Torres, também destacou que a Anvisa vai acompanhar a evolução da situação nas embarcações. “Nada está escrito na pedra. Estaremos sempre prontos para rever e tornar sem efeitos decisões anteriores diante desse dinamismo e capacidade de alteração de cenários, seja para aumentar o rigor sanitário, seja para flexibilizá-lo”.
VÍDEOS mais vistos do g1 nos últimos dias