Confira quais assuntos sobre história do Brasil devem cair no Enem 2021


O professor Ismar Tavares traz os principais assuntos a serem revisados nesta etapa final do Enem 2021. O Enem 2021 se aproxima e para ajudar os candidatos a gabaritarem as questões sobre história do Brasil, o professor Ismar Tavares traz uma lista de assuntos que devem cair na prova. Confira:
1. Escravidão negra
Escravidão negra
Reprodução
A escravidão negra é um assunto sempre cobrados nos vestibulares e, por isso, exige muita atenção por parte dos alunos. As questões sobre esse assunto envolvem a captura dos escravos, o transporte, a utilização, a forma de castigo que eles sofriam e, principalmente, a resistência deles sintetizada na questão da fuga para os quilombos.
LEIA TAMBÉM
Como a escravidão atrasou o processo de industrialização do Brasil
Brasil viveu um processo de amnésia nacional sobre a escravidão, diz historiadora
Livro e exposição resgatam histórias de personalidades negras
2. Constituições
Ao tratar-se sobre Império, o candidato deve focar nas constituições, principalmente na primeira delas, de 1824, que deu a Dom Pedro I o poder moderador. “Lembre-se que características despóticas marcaram o governo de Dom Pedro I e fizeram com que o nosso primeiro imperador acabasse abdicando ao trono em 1831”, afirmou o professor Ismar Tavares.
3. República Velha
Em República Velha, as questões sobre este assunto envolvem estruturas políticas e os movimentos sociais como Canudos e a revolta da vacina, este último bastante recorrente.
4. Getúlio Vargas e Juscelino Kubitschek
Getúlio Vargas foi presidente do Brasil entre 1930 e 1945
Reprodução/internet
A Era Vargas, onde ocorre o processo de desenvolvimento industrial brasileiro nos moldes de nacionalismo econômico, e o Governo Juscelino Kubitschek, período de estado liberal democrático populista, são assuntos bastantes cobrados nas provas do Enem.
Dica: segundo o professor, o regime militar talvez não seja cobrado nesse ano devido ao momento que o Brasil atravessa hoje, com discussões políticas e ideológicas. Mesmo assim, fique atento aos atos institucionais.
5. Nova República
O fato de maior significância neste período é a inflação brasileira, que fez com que presidentes como José Sarney, Fernando Collor e Itamar Franco criassem, respectivamente, os planos Cruzado, Collor e Real.
Confira as últimas notícias do g1 Piauí
VÍDEOS: Assista às notícias mais vistas da Rede Clube