Citroën C4 Picasso sai de linha no Brasil e abre espaço para a chegada do C5 Aircross


A saída da minivan, segundo a marca, se dá pela priorização de categorias que melhor atendam ao público local, como os SUVs. Citroën C4 Picasso
Divulgação/Citroën
A Citroën confirmou a descontinuação da linha C4 Picasso no Brasil, apontando para um novo posicionamento da marca que voltará suas atenções aos SUVs. A saída das minivans pode indicar a proximidade do lançamento do já confirmado C5 Aircross por aqui.
Segundo nota divulgada pela marca, “a Citroën passa a priorizar categorias que melhor atendam ao que o consumidor atual procura, como o segmento de utilitários esportivos”, confirmando que os modelos deixarão de ser comercializados no país.
Os modelos eram vendidos com motor 1.6 turbo de 165 cavalos de potência e câmbio automático de 6 marchas, tanto na configuração menor, de 5 lugares, quanto na maior, de 7.
Citroën Grand C4 Picasso
Divulgação/Citroën
C5 Aircross vem aí
O maior SUV da Citroën foi confirmado para o mercado brasileiro durante o Salão de Paris, em 2018.
Em terras brasileiras, a presidente de Peugeot e Citroën no Brasil, Ana Theresa Borsari, reforçou ao G1 a vontade da marca de trazer o C5 Aircross ao país. Ainda é segredo a data de lançamento do modelo por aqui, mas a saída das minivans de cena reforça que ele pode chegar até 2020.
Citroën C5 Aircross
Divulgação/Citroën