Cientistas descobrem nova espécie de tubarão que brilha no escuro

Nova espécie de pequeno tubarão que brilha foi descoberta no Golfo do México

Nova espécie de pequeno tubarão que brilha foi descoberta no Golfo do México
Reprodução/ Tulane University

Uma equipe de pesquisadores da Universidade de Tulane, nos Estados Unidos, descobriu uma minúscula espécie de tubarão que brilha no escuro para atrair suas presas. Identificado como tubarão americano de bolso, nome científico Mollisquama mississippiensis, ele mede cerca de 14 cm.

A nova espécie foi observada pela primeira vez no Golfo do México, localizado entre o litoral dos EUA, México e Cuba. O tubarão tem algumas características em comum com outra espécie, o tubarão de bolso, capturado no Oceano Pacífico Oriental em 1979. Atualmente, esse animal está exposto no Museu Zoológico de São Petersburgo, na Rússia.

Entre as semelhanças estão os fotóforos, órgão biológico que emite luz e cobre a maior parte de seu corpo. Os dois tubarões têm duas pequenas bolsas, uma de cada lado, perto das brânquias – órgão de respiração -, que produz um fluido luminoso. Esse órgão é utilizado para atrair as presas.

A descoberta do pequeno tubarão ocorreu quando o pesquisador Mark Grace estava em uma expedição para estudar a alimentação das baleias cachalotes.

Segundo o diretor do Instituto de Pesquisa e Biodiversidade de Tulane, Henry Bart, o fato de que apenas um tubarão de bolso já foi relatado no Golfo do México, e que se trata de uma nova espécie, demonstra o quão pouco se sabe sobre o Golfo.” No site da Universidade, ele ressalta quantas novas espécies devem existir nessas águas profundas ainda aguardando para serem descobertas.

*Estagiária do R7, sob supervisão de Deborah Giannini

Arraia pede ajuda a mergulhadores para retirar um anzol preso no olho