Emmy 2020: veja lista com os vencedores


Premiação é apresentada em Los Angeles, mas entrega de estatuetas será remota, com ganhadores em suas casas por causa da pandemia. O apresentador Jimmy Kimmel se conecta com as centenas de convidados do Emmy 2020 através de chamadas de vídeo
The Television Academy e ABC Entertainment/AP
O Emmy 2020, maior premiação da TV americana, acontece neste domingo (20). A 72° edição do evento, apresentada pelo comediante Jimmy Kimmel, acontece de forma virtual por causa da pandemia de Covid-19.
Equipes de filmagem acompanham 138 estrelas, em 114 locais diferentes em dez países: um desafio para essas cerimônias que são transmitidas ao vivo.
A minissérie “Watchmen”, sucesso da HBO baseado na HQ, é a produção mais indicada do ano, concorrendo em 26 categorias.
Veja abaixo os vencedores em negrito, atualizados em tempo real:
Melhor atriz em série de comédia
Christina Applegate – “Dead to me”
Linda Cardellini – “Dead to me”
Rachel Brosnahan – “The Marvelous Mrs. Maisel”
Tracee Ellis Ross – “Black-ish”
Issa Rae – “Insecure”
Catherine O’hara – “Schitt’s Creek”
Veja os indicados:
Melhor série de drama
“Better Call Saul”
“The Crown”
“O conto da aia”
“Killing Eve”
“The Mandalorian”
“Ozark”
“Stranger Things”
“Succession”
Melhor série de comédia
“Curb your enthusiasm”
“Dead to me”
“The good place”
“Insecure”
“The Kominsky Method”
“The Marvelous Mrs. Maisel”
“Schitt’s Creek”
“What we do in the shadows”
Melhor minissérie
“Little Fires Everywhere”
“Mrs. America”
“Unbelievable”
“Unorthodox”
“’Watchmen”
Melhor ator em série dramática
Jason Bateman – “Ozark”
Sterling K. Brown – “This is us”
Steve Carell – “The Morning show”
Brian Cox – “Succession”
Billy Porter – “Pose”
Jeremy Strong – “Succession”
Melhor atriz em série dramática
Olivia Colman – “The Crown”
Laura Linney – “Ozark”
Jennifer Aniston – “The Morning Show”
Jodie Comer – “Killing Eve”
Sandra Oh – “Killing Eve”
Zendaya – “Euphoria”
Melhor ator em série de comédia
Anthony Anderson – “Black-ish”
Ted Danson – “The good place”
Michael Douglas – The Kominsky Method”
Eugene Levy – “Schitt’s Creek”
Don Cheadle – “Black Monday”
Ramy Yousseff – “Ramy”
Melhor ator em série limitada ou filme para TV
Jeremy Irons – “‘Watchmen”
Hugh Jackman – “Bad Education”
Paul Mescal – “Normal people”
Jeremy Pope – “Hollywood”
Mark Ruffallo – “I know this much is true”
Melhor atriz em série limitada ou filme para TV
Cate Blanchett – “Mrs. America”
Shira Haas – “Unorthodox”
Regina King – “’Watchmen”
Octavia Spencer – “Self made”
Kerry Washington – “Little fires everywhere”
Melhor Ator Coadjuvante em Série de Drama
Giancarlo Esposito – “Better Call Saul”
Bradley Whitford – “O conto da aia”
Billy Crudup – “The Morning show”
Mark Duplass – “The Morning show”
Nicholas Braun – “Succession”
Kieran Culkin – “Succession”
Matthew Macfadyen – “Succession”
Jeffrey Wright – “Westworld”
Melhor Atriz Coadjuvante em Série de Drama
Laura Dern – “Big Little Lies”
Meryl Streep – “Big Little Lies”
Helena Bonham Carter – “The Crown”
Samira Wiley – “O conto da aia”
Fiona Shaw – “Killing Eve”
Julia Garner – “Ozark”
Sarah Snook – “Succession”
Thandie Newton – “Westworld”
Melhor Atriz Coadjuvante em Série de Comédia
Betty Gilpin – “Glow”
D’Arcy Carden – “The good place”
Yvonne Orji – “Insecure”
Alex Borstein – “The Marvelous Mrs. Maisel”
Marin Hinkle – “The Marvelous Mrs. Maisel”
Kate McKinnon – “Saturday Night Live”
Cecily Strong – “Saturday Night Live”
Annie Murphy – “Schitt’s Creek”
Melhor Ator Coadjuvante em Série de Comédia
Andre Braugher – “Brooklyn 99”
William Jackson Harper – “The good place”
Alan Arkin – “The Kominsky Method”
Sterling K. Brown – “Marvelous Mrs. Maisel”
Tony Shalhoub – “Marvelous Mrs. Maisel”
Mahershala Ali – “Ramy”
Kenan Thompson – “Saturday Night Live”
Dan Levy – Schitt’s Creek”
Melhor reality show de competição
“The masked singer”
“Nailed it!”
“RuPaul Drag Race”
“Top chef”
“The voice”
Melhor programa de variedades
“The daily show with Trevor Noah”
“Full frontal with Samantha Bee”
“Jimmy Kimmel live!”
“Last week tonight with John Oliver”
“The late show with Stephen Colbert”
Melhor filme para TV
“American Son”
“Bad education”
“Dolly Parton’s Heartstrings: These Old Bones”
“El Camino: A Breaking Bad Movie”
“Unbreakable Kimmy Schmidt: Kimmy vs. The Reverend”

Please enter banners and links.

Emmy 2020: evento virtual será um experimento para temporada de premiações na pandemia


Emmy 2020 vai ser um experimento perfeito rumo à temporada de premiações de 2021 de Hollywood, com equipes de filmagem acompanhando 138 estrelas, em 114 locais diferentes em dez países. Pessoas passam pelo Staples Center, onde será apresentado o Emmy 2020 esvaziado por causa da pandemia
Chris Pizzello/Invision/AP
“Como vamos conseguir este ano? Não sei”: admite Jimmy Kimmel, apresentador do Emmy, premiação que, neste domingo (20), será realizada em formato virtual com câmeras transmitindo ao vivo de centenas de lugares do mundo, devido à pandemia.
Veja indicados, favoritos e trailers das séries
Os Emmys serão um experimento perfeito rumo à temporada de premiações de 2021 de Hollywood, que já foi adiada por alguns meses.
Kimmel vai animar a cerimônia que premia o melhor da televisão americana de um gigantesco e praticamente vazio Staples Center, em Los Angeles.
No entorno do estádio, foram colocados avisos para a equipe de produção sobre o uso de máscaras e sobre se manter a distância, em função da Covid-19. Na Califórnia, a doença deixou cerca de 15 mil mortos até agora.
Alguns apresentadores de categorias vão acompanhá-lo no palco – como H.E.R. que cantará no “In Memorian” -, mas serão minoria.
Equipes de filmagem estarão acompanhando 138 estrelas, em 114 locais diferentes em dez países: um desafio para essas cerimônias que são transmitidas ao vivo.
“Ninguém vai voltar para casa perdedor (…) todos já estarão em casa”, brincou Kimmel, em um dos anúncios para promoção do evento.
Sem tapete vermelho, a produção disse aos indicados: “Venham como quiserem, mas façam um esforço”, segundo carta publicada pela revista especializada “Variety”.
“Se você quiser usar roupa formal, adoraríamos, mas, da mesma forma, se você estiver no Reino Unido e forem 3 da manhã, você pode querer vestir um pijama de grife e fotografar da sua cama!”, acrescenta a carta.
Independentemente do resultado, a edição 2020 do Emmy será uma sacudida obrigatória e, para muitos, necessária, no formato das cerimônias de premiação. A cada ano, esses eventos perdem mais audiência.
“Mesmo que a noite de domingo acabe sendo um completo desastre, pelo menos será um desastre interessante. E realmente pouco mais se pode pedir em 2020”, disse a editora do Indiewire TV Awards, Libby Hill, à AFP.
Racismo nos EUA
‘Watchmen’, série baseada nos quadrinhos, ganha 1º trailer; ASSISTA
Capturando o espírito de protesto deste ano, a minissérie da HBO “Watchmen” lidera a lista de indicações, com 26.
A assombrosa adaptação da história em quadrinhos aborda o racismo histórico da América, bem como a violência policial e até mesmo o uso de máscaras.
Em cerimônia pré-Emmy, que premia categorias técnicas, “Watchmen” já ganhou sete estatuetas, entre fotografia, mixagem de som e figurino.
A série de Star Wars “The Mandelorian” também parte com sete Emmys nessas categorias técnicas – as primeiras para o novíssimo Disney+.
Das mais de 100 indicações para atuação neste ano, mais de um terço foi para atores negros, um novo recorde.
A noite também homenageará a carreira de Tyler Perry, o magnata negro do entretenimento que gerou maior diversidade em Hollywood e que, este ano, pagou as despesas do enterro de afro-americanos vítimas da violência policial, como George Floyd.
A expectativa é que a luta contra o racismo tenha um lugar de destaque nestes Emmys, assim como o legado da juíza da Suprema Corte Ruth Bader Ginsburg. Esta pioneira em direitos de gênero e um ícone progressista morreu na sexta-feira (18), aos 87 anos.
Também é provável que muitos aproveitem o evento para pedir o voto contra Donald Trump nas eleições de 3 de novembro.

Please enter banners and links.