Casino estuda diferentes opções estratégicas para América Latina


Empresa divulgou comunicado em resposta à notícia de que o grupo francês estaria com planos de combinar ativos na região. Em foto de arquivo, fachada de supermercado Pão de Açúcar em São Paulo, Brasil
Reuters/Nacho Doce
O Grupo Pão de Açúcar (GPA) afirmou nesta quinta-feira (9), em comunicado, que seu controlador Casino estuda diferentes opções estratégicas na América Latina como parte da permanente revisão de investimentos.
O texto é em resposta à notícia de que o grupo francês estaria com planos de combinar ativos na região. Nesta quarta-feira, uma nota publicada pelo jornalista Lauro Jardim, do “O Globo”, dizia que o Casino estuda “combinação de ativos” no Brasil, Colômbia, Argentina e Uruguai.
Ao fim do dia, as ações ordinárias e preferenciais do GPA fecharam o pregão como a maior queda do Ibovespa, cedendo 7,43%, a R$ 87,78. A notícia também derrubou em 4% as ações da Via Varejo, controlada pela GPA, para R$ 4,53.
De acordo com o comunicado, “essas reflexões não resultam em nenhum elemento material que justifique um anúncio ao mercado”.