Calor extremo deve permanecer até o dia 9 de outubro em parte do Brasil, alertam os meteorologistas

Em São Paulo e Rio de Janeiro, os termômetros seguem em alta, com máximas de 38ºC e 40ºC, respectivamente. Meteorologistas dizem que Brasil ainda “ferve” por mais 8 dias
O calor deve permanecer em várias partes do Brasil por pelo menos oito dias, dizem os meteorologistas. Nesta quarta (30), Cuiabá registrou máxima de 44ºC e foi considerada a capital mais quente do Brasil, seguida de Campo Grande, com 40ºC.
Veja a previsão do tempo para a sua cidade
Onda de calor mantém temperatura alta pelo país
Em São Paulo, os termômetros seguem em alta, com máxima de 38ºC nesta quinta-feira (1), assim como no Rio de Janeiro, onde o calor pode passar de 40ºC amanhã. O tempo quente deve diminuir nas duas capitais no fim de semana.
Goiânia e Brasília tiveram a tarde mais quente do ano na terça (29), mas nos próximos dias o calor deve permanecer.
A chuva deve chegar ao Sul do país por causa de uma frente fria. De Salvador a Natal, a chuva deve ser passageira. No Norte, pancadas de chuva.
E as altas temperaturas deixam a umidade do ar bem baixa, chegando a 12% em algumas regiões (veja no vídeo acima).