Brasil e Paraguai assinam acordo automotivo


Processo foi acertado durante a última cúpula do Mercosul, no final do ano passado. Produção de veículos no Brasil
Divulgação/Hyundai
Brasil e Paraguai assinaram nesta terça-feira (11), em Assunção, um acordo automotivo para liberar o comércio de veículos e autopeças entre os dois países. O tratado entre os dois países foi fechado durante a última cúpula do Mercosul e agora se torna oficial.
Um acordo do mesmo tipo foi assinado em junho com a Argentina e já existe um anterior a esse com o Uruguai.
De acordo com o Ministério das Relações Exteriores, o Brasil concede livre comércio imediato para produtos automotivos paraguaios.
No caso do Paraguai, o país permite livre comércio imediato para os produtos automotivos brasileiros taxados com tarifas entre 0% e 2%. Ainda no acordo, o Paraguai deve aplicar margens de preferência tarifária crescentes para os demais produtos automotivos, até a liberalização total do setor ao final de 2022.
O processo com o Paraguai foi acertado em meio à forte queda nas compras de veículos brasileiros pela Argentina, principal mercado do setor para o Brasil.
Brasil e Paraguai fazem acordo automotivo