Bentley lança conversível para 2 pessoas, com produção limitada a 12 unidades, e que custa R$ 8,6 mi


Modelo tem logotipo de bronze e painel com madeira de 5 mil anos. Bacalar seria revelado no Salão de Genebra, cancelado por receio de propagação do coronavírus. Bentley Bacalar
Divulgação
A Bentley, marca inglesa, centenária, e conhecida por seus modelos de alto luxo, apresentou na manhã desta terça-feira (3) o Bacalar, um modelo super exclusivo.
Ele tem carroceria conversível, leva apenas duas pessoas, e terá produção limitada a 12 exemplares. O preço? 1,5 milhão de libras, o equivalente a R$ 8,6 milhões, na conversão do dia.
Volkswagen apresenta novos Golf GTI e GTE e SUV elétrico ID 4
Audi lança a quarta geração do A3, confirmada para o Brasil
Após ser cancelado, Salão de Genebra tem ‘dia de imprensa virtual’
Bentley Bacalar
Divulgação
O lançamento aconteceria no Salão de Genebra, mas o evento foi cancelado após o governo da Suíça proibir todos os eventos com mais de mil pessoas para evitar a propagação do coronavírus. Então, a Bentley decidiu realizar a apresentação do Bacalar em sua sede, em Crewe, na Inglaterra.
“Eu fiquei muito desapontado por duas razões. Uma é pelo trabalho duro que a equipe teve para fazer acontecer. Eu acho que havíamos criado o melhor estande que já fizemos em salões”, disse o diretor-executivo da Bentley, Adrian Hallmark, no vídeo transmitido pela empresa.
Feito por uma empresa de 500 anos
Logotipo da Bentley no Bacalar é feito de bronze
Divulgação
Voltando ao Bacalar, o modelo foi batizado como uma homenagem ao balneário mexicano de mesmo nome.
Ele marca o retorno da divisão Mulliner, a empresa de carrocerias mais antiga do mundo, com quase 500 anos de história. Agora, o setor é responsável pelos projetos especiais da Bentley.
Cada uma das 12 unidades do Bacalar será construída à mão, de acordo com o gosto do cliente. Isso vale para cores e acabamentos. Se quiser, o comprador ainda pode incluir um jogo de malas da marca italiana Schedoni, criadas especialmente para serem acomodadas no veículo.
A Bentley afirma que a única peça em comum com qualquer outro carro da empresa é a maçaneta, a mesma do Continental GT.
150 mil pontos de costura e árvores de 5 mil anos
Bentley Bacalar
Divulgação
O Bacalar ainda utiliza materiais mais leves, como o alumínio, em parte da carroceria, e a fibra de carbono, nas portas. Já a tinta é feita com cinzas de casca de arroz.
A cabine ainda tem materiais nobres, como titânio e bronze, este também presente no logo da fabricante. O acabamento tem couro Beluga e lã natural. Cada assento recebeu exatos 148.199 pontos de costura.
Porém, nada é mais exclusivo do que a madeira do painel. Ela vem de árvores que caíram naturalmente, e que estavam preservadas há 5 mil anos na região de East Anglia, na Inglaterra.
Para mover todo esse luxo, a Bentley optou por um motor não menos sofisticado. É um W12 de 6 litros turbo, que entrega 659 cavalos e 91,8 kgfm. A marca não informou dados de desempenho.
Cabine do Bentley Bacalar tem madeira de 5 mil anos
Divulgação
Bentley Bacalar
Divulgação