Após saída do ‘BBB21’, Lumena relembra relação com Lucas e diz: ‘Em nenhum momento quis tirá-lo do jogo’


Em entrevista ao ‘Mais Você’, psicóloga também falou sobre amizade com Karol Conká e atritos com Carla Diaz. Lumena é eliminada do BBB21
Reprodução / Globo
Após deixar o “BBB21”, Lumena participou da tradicional entrevista com Ana Maria Braga no “Mais Você”. A psicóloga foi eliminada do jogo na noite desta terça-feira (1) com 61,31% dos votos em um paredão contra Projota e Arthur.
“Eu acho que me perdi no meu proposito inicial por conta de escolhas lá dentro. A gente vai tentando se apegar ao que é possível. Minha estratégia foi ficando em segundo plano em prol de segundas escolhas”, analisou.
“Eu gosto de competir, desde os 5 anos de idade. Fui fazer meu corre, pra comprar meu trio elétrico, e acabei priorizando outras coisas. Mas é importante ter foco na missão. Me perdi no meu corre.”
Durante o bate-papo, Lumena também reviu alguns momentos ao longo de sua participação no jogo, incluindo as interações com Lucas Penteado. O ator desistiu do reality em 7 de fevereiro.
“Minha jornada com Lucas é de muita coisa, que transcende o próprio reality. Nossa primeira identificação foi religiosa, éramos os únicos candoblecistas da casa. Então, o primeiro momento foi de muita entrega.”
“As festas associadas a bebidas reverberavam em nossos comportamentos. E quando via ele acionar um modo muito estranho comigo, fui tentando me defender.”
“Em nenhum momento quis tirar Lucas do jogo”, afirmou a psicóloga, que chegou a receber críticas por falta de acolhimento ao ator durante a festa que antecedeu sua desistência do jogo.
Lumena afirmou que, quando percebeu que estava se anulando no jogo ao se doar por Lucas, “liguei o modo ‘dedo na cara’ porque precisava me defender do processo de anulação”.
A psicóloga também falou sobre sua relação com a atriz Carla Diaz, a quem fez diversas críticas ao longo do jogo. “Foi algo que não consegui lidar muito bem lá dentro”, afirmou a psicóloga. “Com Carla não consegui ter o mesmo sentimento de sinceridade.”
Ela ainda afirmou que a relação acabou fazendo com que ela fizesse uma correlação com seu sentimento sobre debates raciais, mas garantiu: “Não fui pra reality tocar nessas questões”.
A amizade com Karol Conká também foi pauta da conversa com a apresentadora, que quis saber se a aliança com a cantora interferiu em sua atuação no jogo e eliminação.
“Lá eu tive que lidar com sentimento de competir com artistas que admirava aqui fora e Karol é uma delas. E lidar com esse cálculo foi um pouco complexo pra mim, de criticar na hora que deveria criticar, de ‘passar pano’, passar ‘mão na cabeça’ quando não deveria passar”.
Ela também explicou o choro após a eliminação de Karol do jogo. “É um misto de sentimentos. Lá encontrei minha parceirinha. E que era uma artista que admirava aqui fora. É muito doloroso você perder aliados afetivos. Nossa aliança se tornou aliança afetiva.”
Acadêmicos do BBB: Como um vilão do BBB se torna vilão do BBB?