Álbum ‘Elis & Tom’ motiva documentário e tributo aos 75 anos da cantora


Orquestra Jovem Tom Jobim toca o repertório do disco de 1974 em concertos em Porto Alegre, cidade natal de Elis Regina. ♪ Lançado em 1974, o álbum Elis & Tom continua rendendo histórias e tributos. Alvo de ainda inédito documentário preparado por Nelson Motta a partir de 16 horas de imagens gravadas por Roberto Oliveira, o disco que juntou Elis Regina (17 de março de 1945 – 19 de janeiro de 1982) e Antonio Carlos Jobim (25 de janeiro de 1927 – 8 de dezembro de 1994) motiva show em homenagem aos 75 anos que a cantora gaúcha completaria na próxima terça-feira, 17 de março.
Os shows serão feitos pela Orquestra Jovem Tom Jobim de 20 a 22 de março no Theatro São Pedro, em Porto Alegre (RS), cidade natal de Elis. Nos concertos, a Orquestra Jovem Tom Jobim tocará todo o repertório do disco sob a regência dos maestros Nelson Ayres e Tiago Costa.
Produzido por Aloysio de Oliveira (1914 – 1995), o álbum Elis & Tom tem repertório inteiramente dominado pelo cancioneiro de Jobim, abordado com instrumentos elétricos tocados pelo pianista César Camargo Mariano. Uma bossa na época nova que irritou Jobim durante o processo de gravação do disco, mas que, ao fim, ganhou o aval do maestro soberano.