74% dos consumidores não sabem o quanto pagam de imposto embutido nas compras, diz pesquisa


Entre os pequenos empresários, a parcela que diz saber qual o percentual de tributos pagos é de 22%, segundo o levantamento da CNDL e do SPC Brasil. Valor aproximado de tributos embutido em cada compra é informado em nota fiscal, mas maioria dos consumidores diz que desconhece a informação
Reprodução/EPTV
Embora seja obrigatório desde 2013 que as lojas e demais estabelecimentos informem na nota fiscal o valor de tributos que está embutido em uma compra, a maioria dos consumidores afirma que desconhecem essa informação. É o que aponta um levantamento da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) divulgada nesta segunda-feira (27). Segundo a pesquisa, 74% dos consumidores brasileiros não têm o hábito de procurar saber o quanto pagam de imposto ao adquirir um bem ou contratar um serviço.
Mesmo com a maior parte das pessoas afirmando não saber quanto pagam de tributos, a grande maioria (93% dos entrevistados pela pesquisa) opinam que a tributação é um fator que contribui para que alguns produtos tenham um preço elevado no mercado. Já a falta de transparência é motivo de queixa para 95% dos consumidores.
Pequenos empresários
A pesquisa também ouviu os empresários sobre seus hábitos de conferir (ou não) quanto pagam de tributos. Entre os pequenos empresários, a minoria (com 22% dos entrevistados) dizem que sabem exatamente o percentual de imposto embutido nas transações comerciais. Já outros 32% dizem saber do valor aproximado, enquanto a maior parte, com 41%, não soube responder.
Outro dado apresentado pelo levantamento é que 90% dos micro e pequenos empresários consideram injusto sistema tributário do país.