Zoo britânico separa papagaios que se provocavam para falar palavrões


Visitantes achavam graça nos xingamentos e não houve reclamações, mas direção quis poupar ouvidos das crianças. Os cinco ‘desbocados’ foram transferidos para diferentes áreas do parque. Um dos papagaios africanos cinza do Lincolnshire Wildlife Park, na Inglaterra, em foto de 26 de setembro
Steve Nichols/Lincolnshire Wildlife Park via AP
Um zoológico britânico teve que separar cinco papagaios desbocados que, segundo os tratadores, estavam encorajando uns aos outros a usar palavrões para xingar.
Billy, Eric, Tyson, Jade e Elsie se juntaram à colônia de 200 papagaios cinzentos do Lincolnshire Wildlife Centre em agosto e logo revelaram uma tendência para a linguagem de baixo calão.
“Estamos bastante acostumados com papagaios xingando, mas nunca tivemos cinco ao mesmo tempo”, disse o executivo-chefe do zoológico, Steve Nichols. “A maioria dos papagaios fica tímida do lado de fora, mas por algum motivo esses cinco estavam se exibindo”.
Nichols disse que nenhum visitante se queixou dos papagaios, e a maioria achou a situação engraçada.
“Quando um papagaio diz para você se f*, isso diverte muito as pessoas”, disse ele na terça-feira (27). “Isso provocou um grande sorriso em um ano realmente difícil.”
Um dos papagaios africanos cinza do Lincolnshire Wildlife Park, na Inglaterra, em foto de 26 de setembro
Steve Nichols/Lincolnshire Wildlife Park via AP
Nichols disse que os papagaios foram separados para poupar os ouvidos das crianças.
Eles foram transferidos para diferentes áreas do parque para que não “provocassem uns aos outros”, disse ele.
Vídeos: Notícias internacionais