Waymo faz parceria com aliança Renault-Nissan por carros autônomos na França e no Japão


Empresa de mobilidade da dona do Google já possui parceria com a Fiat Chrysler nos Estados Unidos. No país, veículos sem motorista já percorreram 16 milhões de km em testes. Waymo, empresa da dona do Google, apresenta carro autônomo para testes; ela foi a que mais rodou com esse tipo de tecnologia nas ruas da Califórnia em 2017
Brendan McDermid/AP
A Waymo, empresa que faz parte do grupo Alphabet do Google, anunciou uma parceria com a aliança Renault-Nissan para o desenvolvimento de veículos autônomos na França e no Japão.
O acordo prevê trabalho conjunto para oferecer serviços de mobilidade sem motorista não apenas para passageiros, mas também em entregas.
Carro 100% autônomo está longe, diz executivo da dona do Google
Waymo estreia táxi sem motorista nos EUA
Uma nota divulgada pela Renault-Nissan diz que as empresas atuarão juntas na pesquisa de áreas como legislação e questões comerciais.
Aliança Renault, Nissan e Mitsubishi lidera venda de carros no mundo pelo segundo ano seguido
Christian Hartmann/Reuters
No entanto, não foram divulgados maiores detalhes, apenas que este é o “primeiro passo para o desenvolvimento de operações de serviços de mobilidade sem condutor, rentáveis ​​e de longo prazo”.
Também não ficou claro quais veículos da Renault ou da Nissan serão utilizados, ou mesmo quando isso poderá começar a acontecer.
O comunicado diz que, no primeiro momento, as operações serão restritas à França e ao Japão, países sede das fabricantes. Porém, a atuação pode ser expandida para países como a China.
Atualmente, a Waymo já trabalha em conjunto com a Fiat Chrysler nos Estados Unidos. Desde o fim do ano passado, inclusive, oferece um serviço de táxi sem motorista na cidade de Phoenix. O veículo usado é uma van Chrysler Pacifica.
No país, veículos de testes da Waymo já completaram 16 milhões de quilômetros rodados com carros que andam sozinhos.
Veja como é o táxi autônomo da Waymo