Volkswagen anuncia acordo com sindicatos para a redução de 30% na jornada de trabalho no Brasil


De acordo com a montadora, não haverá impacto no valor líquido dos salários. Medida prevê, no entanto, desconto de 30% no salário bruto. Fábrica da Volkswagen em Taubaté (SP)
Divulgação
A Volkswagen anunciou nesta terça-feira (21) acordo com empregados de suas 4 fábricas no Brasil para a redução de 30% na jornada de trabalho por causa da pandemia de coronavírus. De acordo com a montadora, não haverá impacto no valor líquido dos salários.
O acordo aprovado por assembleias virtuais prevê, no entanto, desconto de 30% no salário bruto, mas com a recomposição do vencimento líquido dos empregados. Parte será pago pela empresa e o restante com recursos do Fundo de Amparo ao Trabalhador.
Válida para o meses de maio, junho e julho, a medida afeta as fábricas de São Bernardo do Campo (SP), Taubaté (SP), São Carlos (SP) e São José dos Pinhais (PR), além do Centro de Peças e Acessórios de Vinhedo (SP) e de escritórios regionais.