UTI Neonatal do HC-UFTM volta a receber novos pacientes

A entrada de novos bebês na Unidade de Terapia Intensiva tinha sido suspensa após quatro recém-nascidos morrerem na última terça-feira (20).  A Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Neonatal do Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Triângulo Mineiro (HC-UFTM) voltou a receber novos pacientes no início da tarde desta quinta-feira (22). A informação foi divulgada em nota pela assessoria da instituição. A entrada de novos pacientes havia sido suspensa na terça-feira (20), até a estabilização do episódio de infecções pela bactéria Enterobacter cloacae multissensível, que causou quatro óbitos.
Ainda segundo o hospital, dois bebês da UTI Neonatal que ainda apresentam a infecção estão com quadro clínico estável, sem risco de morte, no momento, e recebendo tratamento. “Não houve novos óbitos. Não foram detectadas novas infecções desde o dia 20”, informou o HC-UFTM.
O hospital ressaltou que em nenhum momento houve interdição da unidade por órgãos sanitários. “A suspensão temporária de recebimento de pacientes na UTI Neonatal foi uma medida interna de precaução”, diz trecho da nota.
O Hospital de Clínicas informou, também, que continua a investigação para identificar a fonte de contaminação, notificou a possibilidade de evento adverso à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e mantém estritamente os protocolos de higiene e segurança do paciente emitidos pela Comissão de Controle de Infecções Hospitalares.
Procurado pela TV Integração na tarde de quarta-feira (21), o Ministério Público Federal (MPF) informou que já foi notificado e instaurou um procedimento para apurar a situação.

Powered by WPeMatico